CONCEPÇOES DE APRENDIZAGEM HISTÓRICA PRESENTES EM PROPOSTAS CURRICULARES BRASILEIRAS

Autores

  • Maria Auxiliadora Moreira dos Santos Schmidt

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v14i1.8176

Resumo

O trabalho insere-se em pesquisa mais ampla sobre as concepções deaprendizagem histórica difundidas no Brasil no período de 1917 a 2006, e faz partedo projeto "Aprender a ler, aprender a escrever história". O escopo da investigaçãoabrange concepções de aprendizagem que têm fundamentado a organização depropostas curriculares brasileiras num período de longa duração, desde a ReformaFrancisco Campos (1931), às propostas curriculares atuais. O recorte proposto nopresente estudo inclui a análise de documentos curriculares referentes aos ParâmetrosCurriculares Nacionais de História para o ensino fundamental e médio (1997;1998) Adotou-se a metodologia de investigação qualitativa de estudo no caso e aperspectiva da investigação bibliográfi ca e documental. A recolha e tratamentode dados pautou-se na análise de conteúdos (Bardin, 2002). Tomaram-se comoreferência estudos realizados na perspectiva do currículo e das disciplinas escolarescomo construção social (Goodson,1997). Ademais, o conceito de "código disciplinar"(Cuesta Fernandez,1997; 1998) permitiu que se entendesse a abrangênciae signifi cado do currículo como texto visível do código disciplinar da história, apartir do qual buscou-se entender a relação entre o conteúdo e a forma da Históriacomo disciplina escolar em determinado momento da sociedade brasileira.Resultados parciais indicam a predominância de concepção de aprendizagemhistórica baseada na idéia de competências fundamentadas na psicologia educacional,bem como uma tendência em situar a aprendizagem a partir do métodode produção do conhecimento histórico, não revelando, ainda, uma concepção deaprendizagem histórica situada na epistemologia da própria ciência da História(Lee,2003; 2006).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Auxiliadora Moreira dos Santos Schmidt


Downloads

Publicado

2009-11-18

Como Citar

SCHMIDT, M. A. M. dos S. CONCEPÇOES DE APRENDIZAGEM HISTÓRICA PRESENTES EM PROPOSTAS CURRICULARES BRASILEIRAS. História Revista, Goiânia, v. 14, n. 1, p. 203–213, 2009. DOI: 10.5216/hr.v14i1.8176. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/8176. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

Dossiê