METODISMO E EDUCAÇÃO: A FORMAÇÃO DO TECIDO SOCIAL DO INTERIOR PAULISTA

Autores

  • Vasni de Almeida Professor da Universidade Federal do Tocantins, Campus de Araguaína

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v12i1.6853

Resumo

Os educadores metodistas, seguindo a rota das ferrovias que alargavam fronteiras no interior paulista, na primeira metade do século XX, organizaram escolas nas mesmas áreas de abrangência de suas igrejas. Este estudo indica os alunos que freqüentaram os diferentes cursos oferecidos nessas escolas, com a pretensão de informar sobre a participação dos evangélicos metodistas na configuração de camadas sociais que emergiram na sociedade urbana do interior de São Paulo.

 

PALAVRAS-CHAVE: Metodismo, educação, sociedade, cultura e camadas populares.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-08-06

Como Citar

ALMEIDA, V. de. METODISMO E EDUCAÇÃO: A FORMAÇÃO DO TECIDO SOCIAL DO INTERIOR PAULISTA. História Revista, Goiânia, v. 12, n. 1, 2009. DOI: 10.5216/hr.v12i1.6853. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/6853. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Dossiê