IDADES DE INÍCIO DE ATLETAS DE FUTSAL DE ALTO RENDIMENTO NA PRÁTICA SISTEMÁTICA E EM COMPETIÇÕES FEDERADAS DA MODALIDADE

Autores

  • Wilton Carlos Santana UEL
  • Danilo Augusto Ribeiro Unopar

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v13i2.7088

Palavras-chave:

Atletas, Esporte de competição, Jogos esportivos

Resumo

O artigo tem o objetivo de verificar as idades de início no treinamento do futsal e da participação em competições federadas de jogadores de alto rendimento. Constituíram a amostra 97 sujeitos, de 23,93±5,40 anos, integrantes de oito equipes inscritas na 1ª fase da Liga Nacional de Futsal. Para a coleta de dados, aplicou-se um formulário. Constatou-se que os jogadores se iniciaram no treinamento do futsal aos 10, 56±3,82 anos, sendo que 55,67% a partir dos 10 anos, 18,55% entre 08 e 09 anos e 25,77% entre 05 e 07 anos. A competição em âmbito federado se iniciou aos 12,4±3,55 anos, sendo que 55,67% a partir dos 12 anos, 15,46% entre 10 e 11 anos e 28,86% entre 05 e 09 anos. Concluiu-se que houve uma maior proporção de jogadores de futsal de alto rendimento que se iniciou no treinamento do futsal e em competições federadas em idades recomendadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Wilton Carlos Santana, UEL

Doutor em Educação Física pela Universidade Estadual de Campinas. Professor Adjunto do Departamento de Esportes da Universidade Estadual de Londrina. Coordenador do Grupo de Estudos e Pesquisas em Pedagogia do Futsal.

Danilo Augusto Ribeiro, Unopar

Especialista em Futsal pela Universidade Norte do Paraná, docente do Departamento de Educação Física da mesma instituição e membro do Grupo de Estudos e Pesquisas em Pedagogia do Futsal

Publicado

2010-09-01

Como Citar

SANTANA, W. C.; RIBEIRO, D. A. IDADES DE INÍCIO DE ATLETAS DE FUTSAL DE ALTO RENDIMENTO NA PRÁTICA SISTEMÁTICA E EM COMPETIÇÕES FEDERADAS DA MODALIDADE. Pensar a Prática, Goiânia, v. 13, n. 2, 2010. DOI: 10.5216/rpp.v13i2.7088. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/7088. Acesso em: 21 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais