Pelas lentes do SUS: notas sobre desafios e avanços da promoção da saúde na atenção primária

Autores

  • Marcos Bagrichevsky Universidade Regional de Blumenau (FURB), Blumenau, Santa Catarina, Brasil, marcos_bagrichevsky@yahoo.com.br https://orcid.org/0000-0001-8953-9106

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v24.66137

Palavras-chave:

Sistema Único de Saúde (SUS); Promoção da saúde; Política Nacional de Promoção da Saúde (PNPS); Atenção Primária à Saúde (APS).

Resumo

Proponho um balanço crítico, retrospectivo e breve, acerca de desafios e avanços de práticas e da política de promoção da saúde (PS), subjacentes ao SUS. A narrativa analítica partiu de textos científicos/governamentais (selecionados por critério de conveniência) e de situações profissionais vivenciadas in loco em serviços da atenção primária (APS), nos últimos 15 anos. Defendo que as práticas de PS tiveram alguns avanços importantes na APS, materializados em experiências exitosas nos territórios/comunidades. Entretanto, a conjuntura sociossanitária profundamente desigual perpetuada no país, e o cenário de retrocessos sociais instalado pelo atual governo federal, transformam boa parte das metas e propostas da Política Nacional de PS em perspectivas inalcançáveis à maioria dos brasileiros.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

16-04-2021

Como Citar

Bagrichevsky, M. (2021). Pelas lentes do SUS: notas sobre desafios e avanços da promoção da saúde na atenção primária. Pensar a Prática, 24. https://doi.org/10.5216/rpp.v24.66137

Edição

Seção

Ensaios