ASSOCIAÇÃO ENTRE INDICADORES DE PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS NA ADOLESCÊNCIA COM O NÍVEL ATUAL DE PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS NO LAZER EM ACADÊMICOS DE UM CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NO NORDESTE DO BRASIL

Autores

  • Thiago Ferreira de Sousa Universidade Federal de Santa Catarina
  • Sueyla Ferreira da Silva dos Santos Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Ana Clara Souza Pie Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia
  • Luana Callegaro Rossato Universidade Federal de Santa Catarina

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v12i3.6521

Palavras-chave:

Lazer, Adolescente, Estudantes,

Resumo

O objetivo deste estudo foi identificar a freqüência de inativos no lazer atual e a associação com a prática de atividade física na adolescência, no contexto escolar e não escolar em acadêmicos de um curso de Educação Física. Foi realizado um estudo transversal com 105 estudantes do curso. A freqüência de acadêmicos inativos no lazer foi 23,1%, com diferença significativa entre os gêneros (p=0,003) e maior freqüência entre as mulheres (38,6%). Associações estatísticas foram evidenciadas em acadêmicos inativos hoje quando estes foram perguntados com relação à prática realizada na adolescência no contexto não escolar (p=0,047). O professor de Educação Física deve estimular à prática de atividades físicas desde as idades iniciais, visando à adesão a prática ao longo da vida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thiago Ferreira de Sousa, Universidade Federal de Santa Catarina

Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e membro do Grupo de Pesquisa em Atividade Física e Saúde (GPAF) e Núcleo de Pesquisa em Atividade Física e Saúde (NuPAF). Têm experiência em Educação Física, com ênfase em atividade física relacionada à saúde.

Sueyla Ferreira da Silva dos Santos, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Estudante de Especialização em Saúde Coletiva (UESB). Membro do Grupo de Pesquisa em Atividade Física e Saúde (GPAF). Atua no Núcleo de Saúde da Família do município de Salvador (Bahia).

Ana Clara Souza Pie, Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia

Estudante de Especialização em Gestão em Saúde (ENSP/FIOCRUZ). Membro do Grupo de Pesquisa em Atividade Física e Saúde (GPAF). Atua na coordenação de programas de Ginástica Laboral, projetos e eventos esportivos e administração de lazer.

Luana Callegaro Rossato, Universidade Federal de Santa Catarina

Mestranda do Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Santa Catarina. Têm experiência em Educação Física, com ênfase em atividade física relacionada à saúde.

Publicado

2009-11-30

Como Citar

SOUSA, T. F. de; SANTOS, S. F. da S. dos; PIE, A. C. S.; ROSSATO, L. C. ASSOCIAÇÃO ENTRE INDICADORES DE PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS NA ADOLESCÊNCIA COM O NÍVEL ATUAL DE PRÁTICA DE ATIVIDADES FÍSICAS NO LAZER EM ACADÊMICOS DE UM CURSO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NO NORDESTE DO BRASIL. Pensar a Prática, Goiânia, v. 12, n. 3, 2009. DOI: 10.5216/rpp.v12i3.6521. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/6521. Acesso em: 26 fev. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais