ESTEREÓTIPOS APLICADOS AOS ESTUDANTES E PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA.

Autores

  • Gislane Ferreira Melo Universidade Católica de Brasília- UCB
  • Walan Robert Silva Universidade do Estado de Santa Catarina-UDESC
  • Amanda Alves Silva Universidade Católica de Brasília- UCB
  • Tânia Mara Vieira Sampaio Universidade Católica de Brasília- UCB
  • Fernando Luiz Cardoso Universidade do Estado de Santa Catarina- UDESC

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v21i3.50466

Palavras-chave:

Estereótipos. Universitários. Educação Física.

Resumo

O objetivo deste estudo é avaliar os estereótipos que os alunos e profissionais de Educação Física recebem de outros profissionais. Participaram do estudo 117 universitários que descreveram em um formulário cinco adjetivos positivos e cinco negativos relacionados à imagem dos profissionais de Educação Física. Os adjetivos positivos que mais se repetiram estavam relacionados ao aspecto físico (disposto, saudável, atlético, dinâmico) e ao aspecto emocional (alegre, bem-humorado, alto astral), já os adjetivos negativos estavam relacionados ao aspecto cognitivo (preguiçoso, desinteressado, pouco estudioso, acomodado). Em conclusão, foi possível identificar que a maioria dos universitários investigados reforçam os estereótipos aplicados aos alunos e profissionais de Educação Física.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2018-09-28

Como Citar

MELO, G. F.; SILVA, W. R.; SILVA, A. A.; SAMPAIO, T. M. V.; CARDOSO, F. L. ESTEREÓTIPOS APLICADOS AOS ESTUDANTES E PROFISSIONAIS DE EDUCAÇÃO FÍSICA. Pensar a Prática, Goiânia, v. 21, n. 3, 2018. DOI: 10.5216/rpp.v21i3.50466. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/50466. Acesso em: 3 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais