AÇÕES E INTERAÇÕES EM GRUPOS FOCAIS – ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A ANÁLISE DOS DADOS

Autores

  • Rubiane Giovani Fonseca Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - UNESP/RC;

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v20i3.41379

Palavras-chave:

Grupos focais, Interatividade, Subjetividade, Pesquisa Qualitativa, Análise dos dados,

Resumo

A discussão sobre a análise dos dados de grupos focais é o objetivo deste ensaio. Procurou-se apresentar algumas indicações para o desenvolvimento da técnica de pesquisa qualitativa e orientações para a coleta e análise das interações existentes em entrevistas de grupo, considerando que estão relacionados às questões subjetivas, como o tom de voz, a intensidade e extensão das contribuições dos participantes, assim como os juízos individuais e coletivos sobre os fenômenos em estudo. Sendo assim, a análise dos dados de grupos deve seguir diretrizes distintas das análises de entrevistas individuais, procurando valorizar a subjetividade e as interações sociais, motivadas pelos símbolos da coletividade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rubiane Giovani Fonseca, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" - UNESP/RC;

Doutoranda no Programa de Pós Graduação em Ciências da Motricidade na linha de Pedagogia da Motricidade Humana pela Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” – Instituto de Biociências de Rio Claro/FAPESP

Mestre em Educação Física pela Universidade Estadual de Maringá-UEM/CNPq

Downloads

Publicado

2017-09-29

Como Citar

FONSECA, R. G. AÇÕES E INTERAÇÕES EM GRUPOS FOCAIS – ALGUMAS CONSIDERAÇÕES SOBRE A ANÁLISE DOS DADOS. Pensar a Prática, Goiânia, v. 20, n. 3, 2017. DOI: 10.5216/rpp.v20i3.41379. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/41379. Acesso em: 27 maio. 2024.

Edição

Seção

Ensaios