Mutação no jornalismo e cidadania digital: três hipóteses sobre a produção da notícia na tela eletrônica

Autores

  • Thais de Mendonça Jorge Universidade de Brasília (UnB)

DOI:

https://doi.org/10.5216/c&i.v15i1.22507

Palavras-chave:

Internet. Jornalismo Digital. Ética. Cidadania. Internet.

Resumo

A adoção do hipertexto, a disseminação das tecnologias de busca e a expansão da comunicação interpessoal pelos sites, blogs e redes sociais mudam o produto notícia: ele sofre modificações para se adaptar ao cibermeio, assimilando a multimidialidade e a interatividade. Ao mesmo tempo, o jornalista, a ética e o valor de sua atividade são questionados pelo público-leitor. Este artigo analisa o fenômeno das mudanças estruturais no jornalismo sob a ótica das mutações, com as quais – adotando o referencial teórico do construcionismo – levantamos três hipóteses.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thais de Mendonça Jorge, Universidade de Brasília (UnB)

Doutora em Comunicação, professora da Faculdade de Comunicação da Universidade de Brasília (UnB).

Downloads

Publicado

2013-02-08

Como Citar

JORGE, T. de M. Mutação no jornalismo e cidadania digital: três hipóteses sobre a produção da notícia na tela eletrônica. Comunicação & Informação, Goiânia, Goiás, v. 15, n. 1, p. 149–164, 2013. DOI: 10.5216/c&i.v15i1.22507. Disponível em: https://revistas.ufg.br/ci/article/view/22507. Acesso em: 4 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos