Natureza E Sociedade: Em Busca De Uma Geografia Romântica

Autores

  • Eduardo Marandola Jr. Universidade Estadual de Campinas

DOI:

https://doi.org/10.5216/teri.v7i1.46430

Palavras-chave:

experiência geográfica, fenomenologia, romantismo

Resumo

As relações natureza-sociedade estão no cerne das preocupações contemporâneas sobre os problemas ambientais, tendo a geografia, como ciência, participado destas discussões ao longo de toda modernidade. Uma das dimensões desta preocupação, que se abre ao diálogo interdisciplinar, é a centralidade da experiência geográfica na compreensão dos fenômenos. Esta, embebida de um sentido fenomenológico, em um primeiro momento, mas em relação direta com uma renovação do sentido romântico da relação Homem-Terra, visa contribuir para o pensamento ambiental contemporâneo com uma geografia vivida, existencialmente significada e que para além de sua circunscrição científica, permeie todas as dimensões das relações entre Terra, homens e seres.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2017-12-11

Como Citar

MARANDOLA JR., E. Natureza E Sociedade: Em Busca De Uma Geografia Romântica. Revista Terceiro Incluído, Goiânia, v. 7, n. 1, p. 7–18, 2017. DOI: 10.5216/teri.v7i1.46430. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teri/article/view/46430. Acesso em: 27 fev. 2024.

Edição

Seção

ARTIGOS