ESTUDO DAS GRADES CURRICULARES DOS CURSOS DE MEDICINA VETERINÁRIA DO ESTADO DE GOIÁS COM ABORDAGEM PARA A ATUAÇÃO NAS REDES DE ATENÇÃO BASICA A SAÚDE. DOI: 10.5216/teri.v5i2.38798

Autores

  • Leandro Rodrigues de Oliveira CARVALHO Graduando do Curso de Medicina Veterinária do Instituto Unificado de Ensino Superior Objetivo –IUESO, Goiânia (GO).
  • Hellbia Samara Moreira de Carvalho RODRIGUES Mestre em Geografia pela Universidade Federal de Goiás, Instituto de Estudos Sócio-Ambientais –UFG/IESA, Goiânia (GO).
  • Osvaldo José da SILVEIRA NETO Doutor em Ciência Animal pela Universidade Federal de Goiás - UFG. Goiânia (GO). Professor de Zootecnia pela Universidade Estadual de Goiás – UEG, São Luiz dos Montes Belos Goiás (GO).
  • Marilia Cristina SOLA Doutora em Ciência Animal – EVZ pela Universidade Federal de Goiás. Professora do Curso de Medicina Veterinária do Instituto Unificado de Ensino Superior Objetivo –IUESO,

DOI:

https://doi.org/10.5216/teri.v5i2.38798

Palavras-chave:

Saúde Pública, Médico Veterinário, Interdisciplinaridade

Resumo

A atuação do médico veterinário como profissional da Saúde é de grande importância, devido seus conhecimentos em Saúde Pública e Medicina Veterinária Preventiva. Este trabalho visa avaliar a carga horaria total prestada a estas disciplinas, nas diferentes instituições de ensino do estado de Goiás. Para isso, adotamos como metodologia uma busca bibliográfica dando ênfase à literatura cientifica relacionada a esta temática, para relacionar os dados dos demais estudos referenciados com os resultados encontrados neste estado. As grades foram encontradas ora nos sites das próprias instituições, ora no Diário Oficial. Vale ressaltar que o presente trabalho limitou-se ao levantamento de disciplinas da área da Saúde Pública e Medicina Veterinária Preventiva, que foi executado pela nomenclatura das disciplinas e não pelas ementas das mesmas. Realizado quadro síntese das disciplinas e carga horaria com base em Pfuetzenreiter e Zylbersztajn (2004), que avaliaram as categorias de análise de estilos de pensamento dentro da Medicina Veterinária, assim, percebemos diferença entre as cargas horarias voltadas a Saúde Pública nas diferentes instituições do estado. A integração entre as disciplinas e divisão mais igualitária entre as Áreas de atuação, podem aprimorar o envolvimento deste profissional junto as redes de atenção básica a saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Leandro Rodrigues de Oliveira CARVALHO, Graduando do Curso de Medicina Veterinária do Instituto Unificado de Ensino Superior Objetivo –IUESO, Goiânia (GO).

Graduando do Curso de Medicina Veterinária do Instituto Unificado de Ensino Superior Objetivo –IUESO, Goiânia (GO). Email: leandroredes@gmail.com

Hellbia Samara Moreira de Carvalho RODRIGUES, Mestre em Geografia pela Universidade Federal de Goiás, Instituto de Estudos Sócio-Ambientais –UFG/IESA, Goiânia (GO).

Mestre em Geografia pela Universidade Federal de Goiás, Instituto de Estudos Sócio-Ambientais –UFG/IESA, Goiânia (GO). E-mail: hellbiageografia1@gmail.com.

Osvaldo José da SILVEIRA NETO, Doutor em Ciência Animal pela Universidade Federal de Goiás - UFG. Goiânia (GO). Professor de Zootecnia pela Universidade Estadual de Goiás – UEG, São Luiz dos Montes Belos Goiás (GO).

Doutor em Ciência Animal pela Universidade Federal de Goiás - UFG. Goiânia (GO). Professor de Zootecnia pela Universidade Estadual de Goiás – UEG, São Luiz dos Montes Belos Goiás (GO). Email: osvaldonetovet@hotmail.com.

Marilia Cristina SOLA, Doutora em Ciência Animal – EVZ pela Universidade Federal de Goiás. Professora do Curso de Medicina Veterinária do Instituto Unificado de Ensino Superior Objetivo –IUESO,

Doutora em Ciência Animal – EVZ pela Universidade Federal de Goiás. Professora do Curso de Medicina Veterinária do Instituto Unificado de Ensino Superior Objetivo –IUESO, Goiânia (GO). Email: mcsmarilia@gmail.com

Downloads

Publicado

2015-11-30

Como Citar

CARVALHO, L. R. de O.; RODRIGUES, H. S. M. de C.; SILVEIRA NETO, O. J. da; SOLA, M. C. ESTUDO DAS GRADES CURRICULARES DOS CURSOS DE MEDICINA VETERINÁRIA DO ESTADO DE GOIÁS COM ABORDAGEM PARA A ATUAÇÃO NAS REDES DE ATENÇÃO BASICA A SAÚDE. DOI: 10.5216/teri.v5i2.38798. Revista Terceiro Incluído, Goiânia, v. 5, n. 2, p. 414–427, 2015. DOI: 10.5216/teri.v5i2.38798. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teri/article/view/38798. Acesso em: 23 fev. 2024.