CRESCIMENTO E FITOMASSA DE GENÓTIPOS DE MELÃO (Cucumis melo L.) SOB FERTILIZAÇÃO ORGÂNICA. DOI: 10.5216/teri.v5i2.38746

Autores

  • José Avelino de QUEIROGA NETO Ciências Agrárias. Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.
  • Ubiratan Matias de QUEIROGA JUNIOR Mestrando em agronomia, Universidade Federal da Paraíba - UFPB/Campus II -
  • Mário Leno Martins VÉRAS Mestrando em agronomia, Universidade Federal da Paraíba - UFPB/Campus II -
  • Toni Halan da Silva IRINEU Mestrado em Agronomia pela Universidade Federal Paraíba (UFPB), Campus II - É Bolsista pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, com atuação na Área de Concentração: Agricultura Tropical, seguindo a linha de pesquisa: Ecologia, Manejo e Conservação de Recursos Naturais na área de Fruticultura.
  • Raimundo ANDRADE Prof. Doutor do Departamento de Agrárias e Exatas, Universidade Estadual da Paraíba -

DOI:

https://doi.org/10.5216/teri.v5i2.38746

Palavras-chave:

Cucumis melo L., urina de vaca, variedades

Resumo

Para a obtenção de uma boa produção um dos fatores que devem ser levados em consideração é a produção de mudas. Neste sentido, objetivou com este trabalho estudar o crescimento e fitomassa de genótipos de melão (Cucumis melo L.) sob fertilização orgânica. O delineamento experimental adotado foi o inteiramente casualizados (DIC), com 4 repetições, no esquema fatorial 5 x 2, com 10 tratamentos, totalizando 40 plantas. Foram estudados os efeitos de 5 doses de urina de vaca: (0, 30, 60, 90 e 120 mL), aplicadas via solo e dois genótipos de melão (G1 = Melão Gaúcho Caipira e G2 = Melão Imperial 45).  As variáveis analisadas foram: peso verde do caule, peso seco do caule, teor de água, relação raiz parte aérea, peso seco da raiz, peso verde da parte aérea e peso seco da parte aérea. Os dados foram analisados e interpretados a partir das análises de variância (Teste F) e pelo confronto de médias do teste de TUKEY, conforme. As doses de urina de vaca proporcionaram bons resultados no crescimento de genótipos de melão. O genótipo Melão Imperial 45 teve melhor desenvolvimento comparado ao genótipo Melão Gaúcho Caipira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José Avelino de QUEIROGA NETO, Ciências Agrárias. Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil.

Graduação em andamento em Ciências Agrárias. Universidade Estadual da Paraíba, UEPB, Brasil. joseaveliino@bol.com.br

Ubiratan Matias de QUEIROGA JUNIOR, Mestrando em agronomia, Universidade Federal da Paraíba - UFPB/Campus II -

Mestrando em agronomia, Universidade Federal da Paraíba - UFPB/Campus II - Areia – Paraíba – Brasil. mario.deus1992@bol.com.br

Mário Leno Martins VÉRAS, Mestrando em agronomia, Universidade Federal da Paraíba - UFPB/Campus II -

Mestrando em agronomia, Universidade Federal da Paraíba - UFPB/Campus II - Areia – Paraíba – Brasil. mario.deus1992@bol.com.br

Toni Halan da Silva IRINEU, Mestrado em Agronomia pela Universidade Federal Paraíba (UFPB), Campus II - É Bolsista pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, com atuação na Área de Concentração: Agricultura Tropical, seguindo a linha de pesquisa: Ecologia, Manejo e Conservação de Recursos Naturais na área de Fruticultura.

Mestrado em Agronomia pela Universidade Federal Paraíba (UFPB), Campus II - É Bolsista pela Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, com atuação na Área de Concentração: Agricultura Tropical, seguindo a linha de pesquisa: Ecologia, Manejo e Conservação de Recursos Naturais na área de Fruticultura. Possui Graduação em Ciências Agrárias pela Universidade Estadual da Paraíba (UEPB), atuou no grupo de pesquisa & Gestão Sustentável dos Recursos Naturais; seguindo as linhas de pesquisa: Manejo do Sistema Água-Solo-Planta; Manejo orgânico dos solos agrícolas e nutrição de plantas.. tonnysilva_oliveira@hotmail.com

Raimundo ANDRADE, Prof. Doutor do Departamento de Agrárias e Exatas, Universidade Estadual da Paraíba -

Prof. Doutor do Departamento de Agrárias e Exatas, Universidade Estadual da Paraíba - UEPB/Campus IV – CEP 58884-000 - Catolé do Rocha – Paraíba – Brasil. raimundoarndrade@uepb.edu.br

Downloads

Publicado

2015-11-30

Como Citar

QUEIROGA NETO, J. A. de; QUEIROGA JUNIOR, U. M. de; VÉRAS, M. L. M.; IRINEU, T. H. da S.; ANDRADE, R. CRESCIMENTO E FITOMASSA DE GENÓTIPOS DE MELÃO (Cucumis melo L.) SOB FERTILIZAÇÃO ORGÂNICA. DOI: 10.5216/teri.v5i2.38746. Revista Terceiro Incluído, Goiânia, v. 5, n. 2, p. 191–204, 2015. DOI: 10.5216/teri.v5i2.38746. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teri/article/view/38746. Acesso em: 20 jun. 2024.