ONTOLOGIA DUSSELIANA: UMA LEITURA POLÍTICO-PEDAGÓGICA PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL CRÍTICA - DOI: 10.5216/teri.v4i2.35232

Autores

  • César Augusto Soares da COSTA FURG - UFRJ. Pesquisador do Laboratório de Investigações em Educação, Ambiente e Sociedade-LIEAS/UFRJ.

DOI:

https://doi.org/10.5216/teri.v4i2.35232

Palavras-chave:

Enrique Dussel - Educação Ambiental Crítica, Filosofia da Libertação, natureza

Resumo

Neste ensaio recuperamos alguns dos conceitos fundamentais da obra do filósofo argentino Enrique Dussel, visando a contribuir com formulações teóricas do pensamento latino americano para a educação ambiental crítica. Este pensador foi escolhido por ter uma indiscutível referência do pensamento latino-americano, sendo o principal expoente da Filosofia da Libertação, com larga influência não somente na educação, mas também nos movimentos sociais, na teologia da libertação e no pensamento filosófico e sociológico da América Latina. Logo, Dussel não é um autor ambientalista estritamente, mas sua concepção de mundo e a busca da emancipação humana e transformação social, auxiliam na práxis crítica educativa e na construção de novas formas de nos relacionarmos com/na natureza.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

César Augusto Soares da COSTA, FURG - UFRJ. Pesquisador do Laboratório de Investigações em Educação, Ambiente e Sociedade-LIEAS/UFRJ.

Sociólogo. Doutorando em Educação Ambiental/FURG. Pesquisador do Laboratório de Investigações em Educação, Ambiente e Sociedade-LIEAS/UFRJ. E-mail: csc193@hotmail.com

Downloads

Publicado

2014-12-30

Como Citar

COSTA, C. A. S. da. ONTOLOGIA DUSSELIANA: UMA LEITURA POLÍTICO-PEDAGÓGICA PARA A EDUCAÇÃO AMBIENTAL CRÍTICA - DOI: 10.5216/teri.v4i2.35232. Revista Terceiro Incluído, Goiânia, v. 4, n. 2, p. 19–29, 2014. DOI: 10.5216/teri.v4i2.35232. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teri/article/view/35232. Acesso em: 21 jun. 2024.