EFEITO RESIDUAL DE SÓLIDOS ORGÂNICOS UTILIZANDO CASCA DE AMENDOIM E DOSES CRESCENTES DE AMÔNIA NO CULTIVO DA MAMONA BRS GABRIELA - DOI: 10.5216/teri.v4i1.34010

Autores

  • Fabiana Xavier COSTA Departamento de Agrárias e Exatas da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB/Campus IV.
  • Luis Alberto Silva ALBUQUERQUE
  • Jair Clério ARAÚJO ARAÚJO Ciências Agrárias. Departamento de Ciências Agrárias e Exatas. Universidade Estadual da Paraíba.
  • Leonardo Pereira SILVA Ciências Agrárias. Departamento de Ciências Agrárias e Exatas. Universidade Estadual da Paraíba.
  • José Sebastião MELO FILHO Sistemas Agroindustriais, Universidade Federal de Campina Grande - UFCG – Pombal– Paraíba – Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.5216/teri.v4i1.34010

Palavras-chave:

Adubação orgânica, adubação mineral, nordeste brasileiro

Resumo

Objetivou-se com este trabalho, estudar o crescimento e produção da mamona BRS Gabriela, avaliando como matéria orgânica o efeito residual da casca de amendoim natural e moída e níveis crescente de adubação nitrogenada. Um experimento foi desenvolvido em condições de pleno sol nas dependências da Universidade Estadual da Paraíba, Campus IV. Foi utilizado o delineamento bloco casualisado, usando dosagens de nitrogênio (0; 30; 60; 90 kg ha-1), e duas formas de casca de amendoim (natural ou moída), adotando-se o esquema fatorial 2 x 4, resultando em 8 tratamentos com 4 repetições ,totalizando 32 parcelas experimentais. Foram analisados a altura da planta, diâmetro do caule, número de ramificações, número de nós, numero de folhas, área foliar, comprimento da raiz, numero de racemos, numero de frutos por planta, numero de sementes por planta. Pelos resultados, pode-se concluir, em geral, a utilização da casca moída no substrato sobressaiua casca natural no desenvolvimento da mamoneira, A mamoneira responde positivamente a doses superiores a 90 kg/ha de nitrogênio e a casca moída de amendoim apresentou melhor desempenho quanto ao crescimento e produção em comparação a caca natural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiana Xavier COSTA, Departamento de Agrárias e Exatas da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB/Campus IV.

Prof. Dra. do Departamento de Agrárias e Exatas da Universidade Estadual da Paraíba - UEPB/Campus IV. Bióloga, Doutorado em Recursos Naturais.  CEP 58884-000 - Catolé do Rocha – Paraíba – Brasil.

fabyxavierster@gmail.com

Jair Clério ARAÚJO ARAÚJO, Ciências Agrárias. Departamento de Ciências Agrárias e Exatas. Universidade Estadual da Paraíba.

Ciências Agrárias. Departamento de Ciências Agrárias e Exatas. Universidade Estadual da Paraíba.

Leonardo Pereira SILVA, Ciências Agrárias. Departamento de Ciências Agrárias e Exatas. Universidade Estadual da Paraíba.

Ciências Agrárias. Departamento de Ciências Agrárias e Exatas. Universidade Estadual da Paraíba.

José Sebastião MELO FILHO, Sistemas Agroindustriais, Universidade Federal de Campina Grande - UFCG – Pombal– Paraíba – Brasil.

Mestre em Sistemas Agroindustriais, Universidade Federal de Campina Grande - UFCG – Pombal– Paraíba – Brasil. josesebastiaouepb@yahoo.com.br

Downloads

Publicado

2014-06-30

Como Citar

COSTA, F. X.; ALBUQUERQUE, L. A. S.; ARAÚJO, J. C. A.; SILVA, L. P.; MELO FILHO, J. S. EFEITO RESIDUAL DE SÓLIDOS ORGÂNICOS UTILIZANDO CASCA DE AMENDOIM E DOSES CRESCENTES DE AMÔNIA NO CULTIVO DA MAMONA BRS GABRIELA - DOI: 10.5216/teri.v4i1.34010. Revista Terceiro Incluído, Goiânia, v. 4, n. 1, p. 144–161, 2014. DOI: 10.5216/teri.v4i1.34010. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teri/article/view/34010. Acesso em: 14 jul. 2024.