HISTORIOGRAFIA POLITICA: ENTREVISTA COM JOSEP FONTANA

Autores

  • Josep Fontana Universitat Pompeu Fabra

Resumo

Josep Fontana Lázaro nasceu em Barcelona no ano de 1931. Estudou Filosofia e Letras na Universidade de Barcelona, obtendo sua licenciatura em 1956 e seu doutorado em 1970. Foi expulso da universidade em 1966 por motivos políticos, ainda no período do franquismo. Especialista em História da Espanha (séculos XIX e XX), História Econômica e Teoria da História, áreas que ministrou aulas durante sua trajetória acadêmica na Universidade de Barcelona, Universidade Autônoma de Barcelona e Universidade de Valência. Seus livros voltam-se, nomeadamente, para o século XIX espanhol, a transição do antigo regime para o capitalismo e a formação da sociedade da indústria a partir de um ponto de vista marxista. Além disso, publicou vários livros que visam perscrutar a historicidade da teoria da história em sua imbricação com a política. Intervém regularmente no periódico alternativo eletrônico Sin Permiso (http://www.sinpermiso.info/). No Brasil publicou os livros Introdução ao Estudo da História Geral, A Europa diante do Espelho, A História dos Homens e A História depois do Fim da História. Em decorrência de sua influência no campo da Teoria da História no Brasil enviamos ao professor algumas perguntas para esclarecer algumas de suas posições em torno do que “fazem os historiadores quando fazem História” e também a relação desse “fazer” com a intervenção publica do historiador.

Biografia do Autor

Josep Fontana, Universitat Pompeu Fabra

Estudou Filosofia e Letras na Universidade de Barcelona, obtendo sua licenciatura em 1956 e seu doutorado em 1970. Foi expulso da universidade em 1966 por motivos políticos, ainda no período do franquismo. Especialista em História da Espanha (séculos XIX e XX), História Econômica e Teoria da História, áreas que ministrou aulas durante sua trajetória acadêmica na Universidade de Barcelona, Universidade Autônoma de Barcelona e Universidade de Valência.

Referências

BENJAMIN, Walter. Sobre o conceito de história. In: Magia, técnica,arte e politica. Ensaios sobre literatura e historia da cultura. São Paulo: Editora Brasiliense, 1985.

FONTANA, Josep. E. P. Thompson:Historia y lucha de clases. In: THOMPSHON, Edward Palmer. Tradición, revuelta y consciência de classe: Estudios sobre lacrisis de la sociedade pré-industrial. Barcelona: Editorial crítica, 1989.

FONTANA, Josep. História depois do fim da história. São Paulo: EDUSC, 1998a.

________________.História: Análise do passado e projeto social. São Paulo: EDUSC, 1998b.

________________. Introdução ao estudo da história geral. São Paulo: EDUSC, 2000.

________________. A Europa diante do espelho. São Paulo: EDUSC, 2004a.

________________. A história dos homens. São Paulo: EDUSC, 2004b.

________________. La historia que se piensa: Conferencias, clases y conversaciones en Chile. Valparaiso: Colección Historia Vital/Edições Escaparate, 2011.

________________.La formación de E. P. Thompson. História e Perspectivas, Uberlândia(1): 17-32, jan./jun., 2014.

HARTOG, François. Regime de historicidade. Disponível em: >https://pos.historia.ufg.br/up/113/o/Fran%C3%A7ois_Hartog__Regime_de_Historicidade_%281%29.pdf<, 1995.

HOBSBAWM, Eric. A era dos extremos: o longo século XX. São Paulo: Companhia das Letras, 1995.

________________. A Era das Revoluções, 1789-1848. Rio de Janeiro: Paz e Terra, 2014b.

LÖWY, Michael. 8º Seminário Anual de Serviço Social realizado no Teatro TUCA (PUC-SP), 2015. Disponível em: >https://www.youtube.com/watch?v=8T0kLQTKB7A<.

Downloads

Publicado

13-02-2017

Como Citar

Fontana, J. (2017). HISTORIOGRAFIA POLITICA: ENTREVISTA COM JOSEP FONTANA. Rth |, 16(2), 257–269. Recuperado de https://revistas.ufg.br/teoria/article/view/44821

Edição

Seção

Entrevista