HISTÓRIA ORAL BRASILEIRA: TRAJETÓRIA E PERSPECTIVAS

Autores

  • Antonio Marcos de Almeida Ribeiro Universidade do Estado da Bahia UNEB/Campus XIII.

Palavras-chave:

História oral, historiografia, teoria, pesquisa e prática.

Resumo

Houve uma vigorosa difusão de projetos e o surgimento de questões a respeito do passado a partir da história oral configurando-se como uma forma de pensar a sociedade. Hoje existe uma comunidade de pesquisadores de diversas áreas quetrabalham refletindo sobre a contribuição dessa temática em suas pesquisas. Está consolidada, sendo discutida em todo mundo nos cursos e disciplinas sobre método e teoria. Tratamos aqui de continuar um debate aberto sobre o panorama e perspectivasda história oral. Uma reflexão cronológica do papel da história oral brasileira na historiografia contemporânea, nos últimos anos a partir de 1970. Esse tipo deabordagem é uma afirmação do que a história oral proporcionou e pode oferecer emtermos de produção do conhecimento. Um observatório do papel da história oralbrasileira no tempo presente.

Downloads

Como Citar

RIBEIRO, A. M. de A. HISTÓRIA ORAL BRASILEIRA: TRAJETÓRIA E PERSPECTIVAS. rth |, Goiânia, v. 6, n. 2, p. 108–121, 2014. Disponível em: https://revistas.ufg.br/teoria/article/view/28979. Acesso em: 25 maio. 2022.

Edição

Seção

Pensamento histórico: teorias, métodos, conceitos