O Conceito de Vivência em Wilhelm Dilthey: a fulgura da historicidade da existência

Autores

  • Rodrigo Fernandes da Silva Universidade nacional de Brasília

Palavras-chave:

Geisteswissenschaften, vivência, estrutura da consciência, historicidade.

Resumo

Este artigo concentra-se em dois momentos que embora tratados inicialmente de forma separada, devem ser vistos posteriormente juntos, por estarem intrinsecamente relacionadas na obra de Wilhelm Dilthey (1833-1911). Trata-se dos elementos que constituem o conceito diltheyano de estrutura da consciência e sua filosofia da compreensão. Estes dois pólos de sua filosofia da história são o vértice da historicidade da existência humana como vista por Dilthey e formam a base de sua epistemologia das Geisteswissenschaften.

Biografia do Autor

Rodrigo Fernandes da Silva, Universidade nacional de Brasília

Downloads

Como Citar

Silva, R. F. da. (2014). O Conceito de Vivência em Wilhelm Dilthey: a fulgura da historicidade da existência. Rth |, 1(1), 18–23. Recuperado de https://revistas.ufg.br/teoria/article/view/28453

Edição

Seção

Artigos livres