A consciência fonológica na aquisição de l2: uma discussão terminológica

Palavras-chave: Consciência Fonológica, Aquisição de L2, Aquisição Fonológica, Terminologia

Resumo

A discussão sobre o papel da consciência fonológica na aquisição fonológica de segunda língua (L2) não é recente. Entretanto, muitos trabalhos utilizam uma terminologia diversa para se referir a essa habilidade cognitiva. Este artigo tem como objetivo apresentar as diferentes terminologias utilizadas em trabalhos sobre aquisição de L2, discutir os posicionamentos teóricos que levaram às diversas nomenclaturas, bem como descrever as características que as definem. A análise se deu de maneira eminentemente teórica, a partir de 52 trabalhos científicos. A análise revelou, ao menos, 11 termos para se referir à consciência fonológica, os quais foram discutidos ao longo deste trabalho.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Almir Anacleto de Araújo Gomes, Unidade Acadêmica de Educação do Campo da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Sumé, Paraíba, Brasil.

Professor de língua inglesa da Unidade Acadêmica de Educação do Campo UAEDUC/CDSA da Universidade Federal de Campina Grande UFCG.

Rubens Marques de Lucena, Universidade Federal da Paraíba, João Pessoa, Paraíba, Brasil.

Graduado em Direito e em Letras (Português e Inglês) pela Universidade Federal da Paraíba. Possui Mestrado em Letras (UFPB) e Doutorado em Linguística (UFPB), com área de concentração em Teoria e Análise Linguística. Atualmente é Professor Associado da Universidade Federal da Paraíba, onde atua no Departamento de Letras Estrangeiras Modernas (DLEM) e no Programa de Pós-Graduação em Linguística (PROLING). Suas áreas de interesse em pesquisa são Sociolinguística e Estudos de Contato Linguístico.

Mikaylson Rocha da Silva, Universidade Federal da Paraíba (UFPB), João Pessoa, Paraíba, Brasil.

É mestre em linguística pelo Programa de Pós-graduação em Linguística (2016) e atualmente é aluno regular do Programa de Pós-graduação em Linguística (PROLING/UFPB) Nível doutorado. Bacharelado em Relações Internacionais pela Universidade Estadual da Paraíba (2013), Graduado em Letras (habilitação Inglês) pela Universidade Federal da Paraíba (2016). Tem experiência em Teoria e Análise Linguística (sociolinguística variacionista); Literatura Latino-Americana, Estudos Pós-coloniais e Pós-modernos.

Referências

ALCÂNTARA, C. D. C. O processo de aquisição das vogais frontais arredondadas do francês por falantes nativos do português. Dissertação de Mestrado em Letras. Universidade Católica de Pelotas, Brasil, 1998.

ALIAGA-GARCÍA, C.; MORA, J. C. Assessing the effects of phonetic training on L2 sound perception and production. IN: RAUBER, A. S., WATKINS, M. A., AND BAPTISTA, B. O. (Eds.). New Sounds 2007: proceedings of the Fifth International Symposium on the Acquisition of Second Language Speech. Universidade Federal de Santa Catarina: Florianópolis, p. 10-27, 2008.

ALVES, U. K. O que é consciência fonológica. IN: LAMPRECHT et. al. Consciência dos sons da língua: subsídios teóricos e práticos para alfabetizadores, fonoaudiólogos e professores de língua inglesa. 2ed. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2012a, p. 29-41.

ALVES, U.K. Consciência dos aspectos fonéticos/fonológicos da L2. In: LAMPRECHT et al. Consciência dos sons da língua: subsídios teóricos e práticos para alfabetizadores, fonoaudiólogos e professores de língua inglesa. 2ed. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2012b, p. 169-191.

ALVES, U. K. Da necessidade de uma perspectiva cognitiva para a prática de instrução explícita na L2. In: CILLC - Congresso Internacional de Língua, Literatura e Cultura, 2006, Santo Ângelo-RS. Anais do I CILCC – Congresso Internacional de Língua, Literatura e Cultura. Santo Ângelo-RS: EdiURI, 2006.

ALVES, U. K. O papel da instrução explícita na aquisição fonológica do inglês como L2: evidências fornecidas pela Teoria da Otimidade. 2004. 335 f. Dissertação (Mestrado) - Universidade Católica de Pelotas, Pelotas. 2004.

ALVES, U. K. Consciência dos aspectos fonéticos/fonológicos da L2. In: LAMPRECHT, Regina Ritter et al. Consciência dos sons da língua: subsídios teóricos e práticos para alfabetizadores, fonoaudiólogos e professores de língua inglesa. Porto Alegre: EDIPUCRS, 2009.

AQUINO, C. D. Uma discussão acerca da consciência fonológica em LE : o cam inho perc orr ido por apr end izes bra sileiros de ingl ês na aquisição da estrutura silábica . Pont ifíc ia Universidad e Cat ólica do Rio Grand e do Sul , 2009.

AQUINO, C. D. Interação entre conhecimento explícito e implícito na aprendizagem de L2: quais as contribuições trazidas pela neurolinguística para essa discussão? Letrônica. v. 5, n. 3, p. 125-141, 2012.

ARAÚJO, E. M. G. D. A variação da lateral na interlíngua de estudantes brasileiros de espanhol. Tese de doutorado. Programa de Pós-Graduação em Linguísticas – UFPB, João Pessoa, 2014.

CARLET, A.; CEBRIAN, J. Training Catalan speakers to identify L2 consonants and vowels: a short-term high variability training study. Concordia Working Papers in App. Ling. 2014.

CENTENO-PULIDO, A. Efectos de la ensenanza explicita de pronunciacion en estudiantes de espanol de nivel intermedio. Disserta ção de Mestrad o, Universitat de Val ènc ia, Espan ha, 2004.

COATS, P. J. The Effect of Explicit Instruction on the Perception of Spanish Stops by Speakers of Korean. Tese de mestrado. University of South Carolina, Columbia, 2011.

COUNSE LMAN, D. Improving pronunciation instruction in the second language classroo m. Tese de dout orad o. The Penn sylvan ia Stat e University, The Graduat e School Departm ent of Span ish, Ital ian , and Portugu ese, 2010.

DARCY, I.; MORA, J. C.; DAIDONE, D. Att ent ion contr ol and inhibition influ enc e phonological developm ent in a second languag e. Proceedings of the International Symposium on the Acquisition of Second Language Speech. Concordia Working Papers in Applied Linguistics, 2014. p.115-29.

DRUMMOND, R. J. Sociolinguistic variation in a second language: the influence of local accent on the pronunciation of non-native English speakers living in Manchester. Tese de doutorado. University of Manchester, 2010.

DRUMMOND, R. Aspects of identity in a second language: ING variation in the speech of Polish migrants living in Manchester, UK. Language variation and change, v. 24, n. 1, p. 107-133, 2012.

FARIA, F. A. T. de. O desenvolvimento da competência comunicativa a partir da instrução explícita de pronúncia em um curso de formação continuada de professores de línguas. 145 f., il. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada) Universidade de Brasília, Brasília, 2010.

FRAGOZO, C. A redução vocálica em palavras funcionais produzidas por falantes brasileiros de inglês como língua estrangeira. 187f. Dissertação (Mestrado em Linguística) Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2010.

GARCIA, N. M. The impact of explicit instruction on phonological acquisition. University of Pittsburgh, 2005.

GOMES, A. A. de A. A epêntese vocálica inicial por aprendentes brasileiros de Inglês: uma Análise Variacionista. Campina Grande, EDUFCG, 2015.

GÓMEZ LACABEX , E.; GALLARDO DEL PUERTO, F. Raising perceptual phonemic awareness in the EFL classroo m. Proceeding s of the Int ernat ional Symp osium on the Acquisition of Second Languag e Speech Conc ord ia Work ing Pap ers in Appl ied Lingu istics, 5, 2014.

GORDON, J., DARCY, I.; EWERT, D. Pronunciation teaching and learning: effects of explicit phonetic instruction in the L2 classroom. In: J. Levis e K. LeVelle (Eds.). Proceedings of the 4th Pronunciation in second language learning and Teaching Conference 2012. p. 194-206, 2013.

GUAN, Y. The effects of explicit listening strategy instruction on the listening comprehension of English as second language (ESL) Community College Students. University of San Francisco, 2014.

GUIMARÃES, M. A. Aspectos da fonologia do português como segunda língua por aprendizes anglófonos–uma análise via Teoria da Otimidade. Dissertação (Mestrado em Filologia e Língua Portuguesa), Universidade de São Paulo, São Paulo, 2012.

GUTIERRES, A. Variação na aquisição fonológica: análise da produção da nasal velar em inglês (L2). Tese de doutorado. Programa de Pós-Graduação em Letras. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2016.

GUTIERRES, A.; GUZZO, N. B. A produção variável de epêntese em Coda Final por aprendizes de Inglês-L2. In: Anais do VII SENALE: Seminário Nacional Sobre Linguagens e Ensino, Pelotas, 2013.

GUZZO , Palatal izat ion of Alveolar Stops by Portugu ese L2ers. Proceedings of the International Symposium on the Acquisition of Second Language Speech. Conc ord ia Work ing Pap ers in Appl ied Lingu istics, 5, 2014.

HURTADO, L.; ESTRADA, C. Factors influencing the second language acquisition of Spanish vibrants. The Modern Language Journal, v. 94, n. 1, p. 74-86, 2010. ISSN 1540-4781.

HUTHAILY, K. Y. Second language instruction with phonological knowledge: teaching Arabic to speakers of English. University of Montana, 2008.

KUO, L.H. Improving Implicit Learning and Explicit Instruction of Adult and Child Learners of Chinese. Brigham Young University, 2013.

KURT, G.; MEDLIN, J.; TESSAROLO, A. The perception of prosodically ambiguous intonation patterns by L2 English Learners and the effects of instruction. Proceedings of the international Symposium on the Acquisition of Second Language Speech. Concordia Working Papers in Applied Linguistics, 5, 2014.

LIMA, L. A. S. Epêntese Vocálica Medial: Uma Análise Variacionista da Influência da Língua Materna (L1) na Aquisição de Inglês (L2). Dissertação de mestrado. Programa de Pós-Graduação em Linguística. UFPB, João Pessoa, 2012.

LIMA, J. C. Ensino de Pronúncia: uma experiência de prática distintiva de vogais do inglês. In: RAUBER, A. S., WATKINS, M. A., AND BAPTISTA, B. O. (Eds.). New Sounds 2007: proceedings of the fifth international symposium on the acquisition of second language speech. Universidade Federal de Santa Catarina: Florianópolis, pp. 300-312, 2008.

LIMA JÚNIOR, R. Pronunciar para comunicar: uma investigação sobre o efeito do ensino explícito da pronúncia na aula de LE. 243 f. Dissertação (Mestrado em Linguística Aplicada). Universidade de Brasília, Brasília, 2008.

LOOSE, R. E. O papel da instrução explícita na aquisição/aprendizagem de estruturas do espanhol por falantes do português. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Letras. Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, 2006.

LUCENA, R. M; ALVES, F. C. Análise variacionista da aquisição do /p/ em Coda Silábica por aprendizes de inglês como LE. Revista InterteXto, v. 5, n. 2, 2012.

MACEDO, M. H. O papel da instrução explícita na aquisição dos padrões de vozeamento final do inglês por aprendizes brasileiros. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Letras. Universidade Católica de Pelotas, Pelotas, 2011.

MARIANO, M. H. The influence of training and instruction on the production of verbs ending in –ed by Brazilian EFL Learners. Disserta ção de Mestrad o. Pós-Gradua ção em Letra s Ingl ês e Literatura Corr espond ent e. Universidad e Federal de Santa Catar ina : Florian ópolis, 2009.

MARTÍNEZ ASÍS, F. Estudio de una intervención pedagógica para la enseñanza de la pronunciación inglesa en 4º curso de la ESO. Universidad de Murcia, 2004. ISBN 8468950416.

MELO, N. J. F. D. Estratégias conscientes de ensino-aprendizagem para automatização da pronúncia do inglês. Tese de doutorado. Programa de Pós-Graduação em Linguística. Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2014.

MORAIS E LIMA, P. E. A Palatalização do /S/ Pós-Vocálico: uma análise variacionista da transferência fonológica do falar paraibano (L1) na aquisição de inglês (L2). Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Linguística, UFPB, João Pessoa, 2014.

NAVARRO, F. R. Factores que influyen en el acento extranjero: estúdio aplicado a aprendices estadounidenses de español. Tese de doutorado. Universidad de Salamanca, 2008.

PARE, E. O. Impact of instruction on Learners’ acquisition of various french phonemes. Tese de doutorado. Master of Arts. University of Florida, 2011.

PEREYRON, L. Epêntese vocálica em encontros consonantais mediais por falantes porto-alegrenses de inglês como língua estrangeira. Dissertação (Mestrado) – Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2008.

PEROZZO, R. V. Percepção de oclusivas não vozeadas sem soltura audível em codas finais do inglês (L2) por brasileiros: o papel do contexto fonético-fonológico, da instrução explícita e do nível de proficiência.

Dissertação de mestrado. Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2013.

ROCCA, P. D. A. A tecnologia de fala aplicada ao ensino de entoação da língua inglesa para falantes nativos de língua portuguesa. Tese de doutorado. Lingüística Aplicada e Estudos da Linguagem: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2003.

RUHMKE-RAMOS, N. K. The effects of training and instruction on the perception of the english interdental fricatives by Brazilian EFL learners. Dissertação de mestrado. Programa de Pós-Graduação em Letras/Inglês e Literatura Correspondente, Universidade Federal de Santa Catarina, Florianópolis, 2009.

SAMUEL, A. G. KRALJIC, T. Perceptual learning for speech. Attention, Perception & Psychophysics. 2009, 71 (6), p. 1207

SCHNEIDER, A. A epêntese medial em PB e na aquisição de inglês como LE: uma análise morfofonológica. Dissertação de Mestrado. Programa de Pós-Graduação em Letras. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2009.

SILVA, F. S. D. Consciência fonológica em língua estrangeira: um estudo acerca do processo de aquisição de espanhol por falantes brasileiros. Dissertação de mestrado. Programa de Pós-Graduação em Letras. Universidade Católica de Pelotas. Pelotas, 2014a.

SILVA, K. C. D. D. A produção das vogais médias do espanhol na interlíngua de aprendizes cearenses. Tese de doutorado. Programa de Pós-Graduação em Linguística. Universidade Federal do Ceará. Fortaleza, 2012.

SILVA, S. M. D. Aprendizagem fonológica e alofônica em L2: percepção e produção das vogais médias do português por falantes nativos do espanhol. Tese de doutorado. Programa de Pós-Graduação em Letras. Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, 2014b.

SI LVEI RA, R. The influence of pronunciation instruction on the perception and production of English word-final consonants. Tese (dout orad o em Letra s). Programa de Pós-Gradua ção em Letra s/ingl ês e literatura corr espond ent e. Universidad e Federal de Santa Catar ina . Florian ópolis, 2004.

SILVEIRA, R.; ALVES, U. K. Noticing e instrução explícita: aprendizagem fonético-fonológica do morfema ‘-ed’. Nonada, Porto Alegre, v. 13, p. 149-159, 2009.

SOUZA, H. K. Brazilian EFL Learners’ Awareness About L2 Phones: Is Mall Pronounced As ‘Mal’?. Trab. linguist. apl., Camp inas, v. 56, n. 1, p. 235-258, abril 2017. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttextepid=S0103-18132017000100235elng=enenrm=iso. Acesso em: 21 out. 2017.

TEIXEIRA, M. G. A realização oral das vogais nasais/nasalizadas do português brasileiro por estrangeiros falantes do inglês. Dissertação de mestrado. Programa de Pós-Graduação em Letras. Universidade Federal de Pernambuco, Recife, 2013.

THOMSON, R. I.; DERWING, T. M. The effectiveness of L2 pronunciation instruction: a narrative review. Applied Linguistics, v. 36, n. 3, p. 326-344, 2014.

VAN DOMMELEN, W. A.; HUSBY, O. the perception of norwegian word tones by chinese and german listeners. In: RAUBER, A. S., WATKINS, M. A., AND BAPTISTA, B. O. (Eds.). New Sounds 2007: proceedings of the Fifth International Symposium on the Acquisition of Second Language Speech. Universidade Federal de Santa Catarina: Florianópolis, p. 165-174, 2008.

WONG, S. W. L.; et al. Perception of native English reduced forms in Chinese learners: its role in listening comprehension and its phonological correlates. TESOL Quarterly, v. 51, n. 1, p. 7-31, 2017.

WREMBEL, M. Metaphonological awareness in multilinguals: a case of L3 Polish. Language Awareness, v. 24, n. 1, p. 60-83, 2015. Disponível em: https://www.tandfonline.com/doi/abs/10.1080/09658416.2014.89020. Acesso em: 21 out. 2017.

YOPP, H. K.; YOPP, R. H. Supporting phonemic awareness development in the classroom. The Reading Teacher, v. 54, n. 2, p. 130-143, 2000.

Publicado
08-05-2020
Como Citar
Gomes, A. A. de A., de Lucena, R. M., & da Silva, M. R. (2020). A consciência fonológica na aquisição de l2: uma discussão terminológica. Signótica, 32. https://doi.org/10.5216/sig.v32.55842
Seção
Estudos Linguísticos