Leitura de imagens: a subjetividade em questão

Autores

  • Agostinho Potenciano Souza ufg

DOI:

https://doi.org/10.5216/sig.v24i2.19761

Palavras-chave:

Linguistica

Resumo

Este texto faz uma introdução à leitura de imagens, com amostras de leituras de fotografia, escultura, pintura e cinema. No intuito de aprofundar como se dá a relação entre autor, texto e leitor,  já teorizada por alguns autores (ECO; ORLANDI; JOUVE), quanto ao texto escrito, é feita uma incursão na leitura de imagens, considerando-as signos (JOLY; AUMONT), ou seja, unidades portadoras de sentidos que devem ser interpretadas, lidas. Verificamos nas amostras que o leitor é muito objetivado por uma leitura semântica, parafrástica; por isso, procuramos uma visada que direcione a leitura para a crítica,  essa habilidade que conhece o dispositivo e nele procura como os sentidos são possibilitados de modo plurissêmico.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Agostinho Potenciano Souza, ufg

Formado em Letras, com Mestrado em Teoria Literária e Doutorado em Estudos Linguísticos. Pesquisa leitura, discurso e ensino.

Downloads

Publicado

2012-12-26

Como Citar

SOUZA, A. P. Leitura de imagens: a subjetividade em questão. Signótica, Goiânia, v. 24, n. 2, p. 405–432, 2012. DOI: 10.5216/sig.v24i2.19761. Disponível em: https://revistas.ufg.br/sig/article/view/19761. Acesso em: 5 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigo