Concepção Arquitetônica

O Ensino e as Estratégias Didático-Pedagógicas no Ateliê de Projeto.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.54686/revjat.v3i.72001

Palavras-chave:

Concepção Arquitetônica. Ateliê de Projeto. Tectônica

Resumo

Considerando as questões do Ensino de Arquitetura no Brasil e as Diretrizes Curriculares Nacionais estabelecidas pelo MEC, o texto trata de apresentar estratégias didático-pedagógicas para o ensino do Projeto de Arquitetura, definindo como base a terminologia definida na norma técnica e utilizada pela entidade de classe, com objetivo de aproximar o ensino acadêmico da realidade profissional, porém diferenciando o ensino da atividade profissional. As estratégias didático-pedagógicas estão amparadas no desenho e nas estruturas gráficas que tenham como base a própria Arquitetura, buscando revelar os critérios e soluções de outros projetos, passíveis de aplicação em novas realidades através da noção de Material de Projeto. O texto também trata de evitar o afastamento da atividade de ensino do Projeto de Arquitetura da sua realidade quando passam a utilizar métodos de experimentação, reflexão e pesquisa que afastam o projeto do seu objetivo que é através das técnicas da engenharia e Arquitetura objetivar uma nova edificação.

Biografia do Autor

alexandre dos santos, Universidade Federal de Santa Catarina

Possui Doutorado em Projetos Arquitetônicos pela ETSAB/UPC na Espanha, na linha de investigação L1: A forma moderna, o qual foi reconhecido pelo programa Propar da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Obteve o título de Suficiência Investigadora Europeia por aprovação em tribunal pela ETSAB/UPC (2008), tendo experiência na área de projeto de arquitetura, computação gráfica e design. Especialista em Projeto Arquitetônico e a Cidade pela Univali em 2005. Atualmente é professor substituto do curso de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Federal de Santa Catarina em Florianópolis. É colaborador externo na linha de investigação do Grupo FORM+ sobre Fotografia de Arquitetura Moderna na ETSAB-UPC-Barcelona Tech. Faz parte do Clube de Arquitetura Internacional Iform ? Forma Moderna Internacional, vinculado ao programa UPC-Alumni. Também é colaborador no Comitê Executivo 2022-2023 do Docomomo Brasil. 

Referências

MAHFUZ, Edson. O ateliê de projeto como mini-escola. Arquitextos, São Paulo, ano

, n. 115.00, Vitruvius, dez. 2009. Disponível em <https://vitruvius.com.br/revistas/

read/arquitextos/10.115/1>. Acesso em: 22 de fev. 2222.

ALMEIDA FILHO, O. Tabelas de Honorários de Serviços de Arquitetura e Urbanismo do Brasil- Módulo I- Remuneração de Projeto Arquitetônico de Edificações. 1a.. ed. Fortaleza- CE: Expressão Gráfica e Editora, 2014. v. 1. 79p .

PIÑON, Hélio. Materiales de Proyecto. Barcelona: ETSAB UPC, 2004.

PIÑON, Hélio. Teorias del Proyecto. Barcelona: Edicions UPC, 2006.

ROVIRA, Teresa et al. El Proyecto Moderno: Pautas de Investigación. Barcelona: Edicions Upc, 2007.

SANTOS, Alexandre dos. Pedro Paulo de Melo Saraiva: la constancia de la modernidad. 2015. 289 f. Tese (Doutorado) - Curso de Escola Técnica de Arquitetura de Barcelona, Departamento de Projetos Arquitetônicos, Universidade Politécnica de Catalunha, Barcelona, 2015.

card

Downloads

Publicado

2021-12-31

Como Citar

DOS SANTOS, alexandre. Concepção Arquitetônica: O Ensino e as Estratégias Didático-Pedagógicas no Ateliê de Projeto. Revista Jatobá, Goiânia, v. 3, 2021. DOI: 10.54686/revjat.v3i.72001. Disponível em: https://revistas.ufg.br/revjat/article/view/72001. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos livres