Parâmetros biológicos da lagarta-do-fumo (Lepidoptera: Noctuidae) alimentada com espigas de milho em diferentes temperaturas

Autores

  • Orcial Ceolin Bortolotto
  • Adeney de Freitas Bueno
  • Gabriela Vieira Silva
  • Bruna Teixeira Baixo

Resumo

A lagarta Chloridea (Heliothis) virescens (F.) (Lepidoptera: Noctuidae) tem sido registrada recentemente em lavouras de milho. Apesar disso, não existem informações sobre a biologia dessa espécie alimentando-se de espigas de milho. Adicionalmente, a relação entre os hábitos alimentares da lagarta-do-fumo e a temperatura é importante para a projeção da adaptação da praga em lavouras de milho, em diferentes épocas e regiões. Objetivou-se investigar o desenvolvimento de C. virescens em espigas de milho, em condições controladas de laboratório, sob três temperaturas (25 ± 1 ºC, 28 ± 1 ºC e 31 ± 1 ºC). Embora os insetos tenham atingido a fase adulta em todas as temperaturas, a fase larval foi reduzida a 31 ± 1 ºC, resultando em menor consumo de grãos. Por outro lado, parâmetros biológicos como viabilidade larval e pupal, peso de pupa e razão sexual não foram influenciados pela temperatura. Durante a fase adulta, a fecundidade foi similar para todas as temperaturas; no entanto, a viabilidade de ovos foi nula. A temperatura adequada para o desenvolvimento de C.virescens foi entre 25 ± 1 ºC e 28 ± 1 ºC. A temperatura de 31 ± 1 ºC afeta o desenvolvimento dos ovos, não permitindo uma nova geração da praga.

PALAVRAS-CHAVE: Chloridea (Heliothis) virescens (F.), Heliothinae, praga do milho, aquecimento global.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

21-07-2022

Como Citar

BORTOLOTTO, O. C. .; BUENO, A. de F.; SILVA, G. V.; BAIXO, B. T. . Parâmetros biológicos da lagarta-do-fumo (Lepidoptera: Noctuidae) alimentada com espigas de milho em diferentes temperaturas. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 52, p. e71797, 2022. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/71797. Acesso em: 1 dez. 2022.

Edição

Seção

Nota Científica