Estresse hídrico e salino em sementes de soja classificadas em diferentes tamanhos

Autores

  • Marcos Morais Soares Fundação Universidade do Tocantins
  • Hamilton Carvalho dos Santos Junior
  • Mateus Geraldo Simões Universidade Federal de Viçosa
  • Dalcionei Pazzin Universidade Federal de Viçosa
  • Laércio Junio da Silva Universidade Federal de Viçosa

Palavras-chave:

Glycine max, potencial hídrico, qualidade de sementes.

Resumo

A importância do tamanho das sementes tem sido relatada para várias espécies, visto que pode afetar a sua germinação e o vigor das plântulas, principalmente sob condições de estresse. Objetivou-se avaliar o efeito do tamanho das sementes na germinação e crescimento inicial de plântulas de soja (cultivares M9144RR e M8527RR), sob condições de estresse hídrico e salino. O estresse hídrico foi induzido por manitol e o salino por cloreto de sódio. Para a avaliação do efeito dos tratamentos, as sementes foram submetidas ao teste de germinação, primeira contagem de germinação e crescimento de plântulas. Utilizou-se delineamento inteiramente casualizado, com quatro repetições. Houve redução na germinação e no vigor das sementes de soja com a diminuição do potencial osmótico. Não foi observado efeito do tamanho das sementes sobre a germinação e comprimento das plântulas, porém, as sementes de maior tamanho resultaram em plântulas com maior massa seca, mesmo quando submetidas a condições de estresse hídrico e salino.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcos Morais Soares, Fundação Universidade do Tocantins

Professor Fundação Universidade do Tocantins (UNITINS)

Hamilton Carvalho dos Santos Junior

Estudante do curso de Agronomia da Universidade Federal de Viçosa

Mateus Geraldo Simões, Universidade Federal de Viçosa

Estudante do curso de Agronomia da Universidade Federal de Viçosa

Dalcionei Pazzin, Universidade Federal de Viçosa

Estudante de doutorado do Programa de Pós-Graduação em Fitotecnia da Universidade Federal de Viçosa

Laércio Junio da Silva, Universidade Federal de Viçosa

Professor do Departamento de Fitotecnia da Universidade Federal de Viçosa

Downloads

Publicado

19-11-2015

Como Citar

SOARES, M. M.; SANTOS JUNIOR, H. C. dos; SIMÕES, M. G.; PAZZIN, D.; SILVA, L. J. da. Estresse hídrico e salino em sementes de soja classificadas em diferentes tamanhos. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 45, n. 4, p. 370–378, 2015. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/35357. Acesso em: 21 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigo Científico