Staphylococus E salmonella EM ENVOLTÓRIOS NATURAIS SALGADOS DE BOVINOS EMPREGADOS EM EMBUTIDOS

Autores

  • Albenones José de Mesquita UFG
  • Cláudio Armando Jürgensen UFF

Resumo

Foram examinadas bacteriologicamente 35 amostras de envoltório natural salgado de bovino (intestino delgado, intestino grosso, ceco e bexiga) colhidas em frigoríficos com Inspeção Federal, localizados no município de Goiânia - GO. As enumerações de bactéria do gênero Staphylococcus variaram entre 1,0 x 10¹ UFC/g e 1,0 x 10^6 UFC/g de tripa natural. De 24 isolamentos de bactérias pertencentes a esse gênero, apenas 3 apresentaram características fenotípicas que sugerem a espécie Staphylococcus aureus. Das 35 amostras de envoltório natural examinadas para bactérias do gênero Salmonella, apenas uma (ceco) mostrou-se contaminada por esse microorganismo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

26-11-2007

Como Citar

MESQUITA, A. J. de; JÜRGENSEN, C. A. Staphylococus E salmonella EM ENVOLTÓRIOS NATURAIS SALGADOS DE BOVINOS EMPREGADOS EM EMBUTIDOS. Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 17, n. 1, p. 23–35, 2007. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/2491. Acesso em: 19 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigo Científico