EFEITOS DA RADIAÇÃO GAMA SOBRE OS DIFERENTES ESTÁGIOS DE DESENVOLVIMENTO DA BROCA DO CAFÉ Hypothenemus hampei Ferr., 1867 ( Coleoptera Scolytidae)

Autores

  • Antônio Lopes da Silva UFG

Resumo

Foi realizado no Centro de Energia Nuclear na Agricultura (CENA) da Escola Superior de Agricultura "Luiz de Queiroz" - USP - São Paulo, um experimento visando a controlar a broca do café Hypothenemus hampei Ferr., 1867 em café despolpado, através da radiação gama de uma fonte de Cobalto 60. Pelos resultados obtidos, constatou-se que as doses letais para adultos, fora e dentro dos grãos, foram 475 e 525 krad respectivamente, constatando-se também que houve absorção de radiações pelos grãos. Para larvas, a dose letal foi de 350 krad e para pupas de 400 krad. Nos insetos tratados com 15 krad houve maior sobrevivência de todas as fases de desenvolvimento; as larvas resistiram por um período de 21 dias; as pupas por 15 e os adultos foram mais resistentes, sobrevivendo por um período de 60 dias. Todavia, não foi constatada descendência, concluindo-se portanto que a dose esterilizante é menor que 15 krad. Com base nos resultados obtidos, conclui-se ainda, que a melhor faixa de tratamento encontra-se entre 25 e 50 krad uma vez que houve controle total de adultos em 36 dias; de pupas em 9 dias e de larvas em 6 dias, constatando-se outrossim que as fases prejudiciais, ou seja, larvas e adultos, a partir do 3° dia após os tratamentos, não mais se alimentaram.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

22-10-2007

Como Citar

SILVA, A. L. da. EFEITOS DA RADIAÇÃO GAMA SOBRE OS DIFERENTES ESTÁGIOS DE DESENVOLVIMENTO DA BROCA DO CAFÉ Hypothenemus hampei Ferr., 1867 ( Coleoptera Scolytidae). Pesquisa Agropecuária Tropical, Goiânia, v. 3, n. 1, p. 64–78, 2007. Disponível em: https://revistas.ufg.br/pat/article/view/2032. Acesso em: 9 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigo Científico