Reflexões sobre os corpos puídos em uma revista Homoerótica Brasileira

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v27i3.72070

Palavras-chave:

Homossexualidades, Velhices., Corpos

Resumo

Pensar os gays velhos sempre provocou um silenciamento. Essa atitude é rompida quando aparecem, de forma sucinta, matérias e entrevistas sobre velhice e velhos em publicações voltadas para o público gay. A partir desta premissa e levando em consideração as possíveis causas que geram esse estranhamento e/ou silêncio, este texto apresenta uma análise de matérias e artigos publicadas na revista Sui Generis (publicação homoerótica que circulou no Brasil de 1995 a 2000) em que aparecem pessoas velhas ou que possuem a velhice como tema. Refletimos sobre o espaço em que é colocado esse público, questionando como tal ambiente é montado e entenderemos como é feita a representação dos gays velhos pela mídia homoerótica brasileira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fábio Ronaldo da Silva, Universidade Federal de Campina Grande, Campina Grande, Paraíba, Brasil, fabiocg@gmail.com

Pós-doutorando em História pelo Universidade Federal de Campina Grande. Doutor em História pelo Universidade Federal de Pernambuco.

Referências

AGRA DO Ó, Alarcon. Velhices imaginadas – Memórias e envelhecimento no Brasil (1935, 1937, 1945). Campina Grande, EDUFCG, 2010.

ALBUQUERQUE JÚNIOR, Durval Muniz de. In: AGRA DO Ó, Alarcon. Velhices Imaginadas – Memórias e envelhecimento no Brasil (1935, 1937, 1945). Campina Grande: EDUFCG, 2010.

BENJAMIN, Walter. Experiência e pobreza. In: Magia, técnica e política – Ensaios sobre literatura e história da cultura. São Paulo: Braziliense, 2012.

DEBERT, Guita Grin. A reinvenção da velhice: Socialização e processos de reprivatização do envelhecimento. São Paulo: Editora da Universidade de São Paulo: Fapesp, 2012.

GUATARRI, Félix, ROLNIK, Suely. Micropolítica: Cartografias do desejo. Petrópolis, Rio de Janeiros: Vozes, 2013.

MOARES, Andrea. O corpo no tempo: velhos e envelhecimento. In. DEL PRIORE, Mary; AMANTINO, Márcia. História do corpo no Brasil. Sai Paulo: Unesp, 2011.

POCAHY, Fernando Altair. Entre Vapores e Dublagens: dissidências homo/eróticas nas tramas do envelhecimento. (Tese de Doutorado em Educação). 167 fls. Programa de Pós-Graduação em Educação. Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, RS, 2011.

ROLNIK, Suely. Toxicômanos de identidade – Subjetividade em tempo de globalização. In. LINS, Daniel (org). Cultura e subjetividade - Saberes Nômades. Campinas: Papirus, 1996.

SUI GENERIS. Editorial. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 0, 1994.

SUI GENERIS. Lições do exílio. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 2, 1995.

SUI GENERIS. Recordações de sexo e revoluções. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 7, 1995.

SUI GENERIS. A jornada de poucos heróis. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 7, 1995.

SUI GENERIS. Veredas do desejo II – infelizes os feios, os velhos e desmunhecados. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 13, 1996.

SUI GENERIS. Avoé. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 15, 1995.

SUI GENERIS. Contador de histórias. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 26, 1996.

SUI GENERIS. Amor intergeracional. Rio de Janeiro: Tribo Editora, ed. 33, 1998.

Downloads

Publicado

2023-09-26

Como Citar

RONALDO DA SILVA, F. Reflexões sobre os corpos puídos em uma revista Homoerótica Brasileira. História Revista, Goiânia, v. 27, n. 3, p. 61–79, 2023. DOI: 10.5216/hr.v27i3.72070. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/72070. Acesso em: 15 abr. 2024.