Escala

um conceito primordial para a geografia, história e demais ciências humanas

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v25i1.62635

Resumo

Este artigo busca examinar, no âmbito de interação entre a História e a Geografia e as diversas ciências humanas como campos de saber, as implicações do conceito de escala. O artigo encaminha-se para mostrar como uma das modalidades mais importantes da historiografia nos últimos tempos – a Micro-História – baseia-se essencialmente neste conceito; mas como, ao mesmo tempo, tem ocorrido um pequeno erro na definição da Micro-História como uma modalidade que “reduz a escala de observação”, quando na verdade o que ocorre é que a Micro-História amplia a “escala de observação” em sua análise do objeto delimitado ou do espaço micro-historiográfico

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

José D'Assunção Barros, Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro

José D’Assunção Barros é Historiador e Doutor em História pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Atua como professor adjunto da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro (UFRRJ), na qual desenvolve pesquisas na área de História Cultural. No Ensino de História, tem se especializado nas áreas de Metodologia, Teoria e Historiografia, História Cultural e História Política, e tem escrito livros e artigos relacionados a estes campos. Entre suas obras mais recentes destacam-se os livros O Campo da História (Petrópolis: Vozes, 2004), O Projeto de Pesquisa em História (Petrópolis: Vozes, 2005), Cidade e História (Petrópolis: Vozes, 2007) e A Construção Social da Cor (Petrópolis: Vozes, 2007).

 

 

Downloads

Publicado

2020-08-27

Como Citar

BARROS, J. D. Escala : um conceito primordial para a geografia, história e demais ciências humanas. História Revista, Goiânia, v. 25, n. 1, p. 93–115, 2020. DOI: 10.5216/hr.v25i1.62635. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/62635. Acesso em: 28 set. 2022.