GÊNERO E ANTIGUIDADE: REPRESENTAÇÕES E DISCURSOS

Autores

  • Renata Cerqueira Barbosa Doutoranda do curso de História da Unesp/Campus de Assis.

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v12i2.5474

Resumo

O presente artigo foi elaborado com o objetivo de justificar os estudos da mulher na Antigüidade, dentro de uma perspectiva de gênero, diferentemente do que foi feito pelos estudos clássicos, que muitas vezes reforçam pontos de vista conservadores. Na maioria dos casos, o conservadorismo e as generalizações existentes se devem ao fato de apoiarem-se em uma leitura empirista - a partir do "senso comum" - dos documentos antigos. Para essa justificativa, foram citados autores que abordam temas referentes à mulher, à sexualidade e à Antigüidade, na historiografia.

 

PALAVRAS-CHAVE: Antigüidade, gênero, mulher, sexualidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Renata Cerqueira Barbosa, Doutoranda do curso de História da Unesp/Campus de Assis.

Downloads

Publicado

2009-01-26

Como Citar

BARBOSA, R. C. GÊNERO E ANTIGUIDADE: REPRESENTAÇÕES E DISCURSOS. História Revista, Goiânia, v. 12, n. 2, 2009. DOI: 10.5216/hr.v12i2.5474. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/5474. Acesso em: 1 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos