HIERARQUIA ECLESIÁSTICA E PREGAÇÃO NA PROVENÇA DO SÉCULO V - doi: 10.5216/hr.v19i1.30506

Autores

  • Rossana Alves Pinheiro Universidade Federal de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v19i1/30506

Palavras-chave:

Hierarquia eclesiástica, Monarquismo, Pregação.

Resumo

Este artigo propõe-se a uma reflexão sobre as interações entre clérigos e laicos na Provença no século V. Toma-se como ponto de partida, em primeiro lugar, a constituição dos monges como um tipo especial de laico e, em segundo, a pregação como função própria a padres integrantes, ao mesmo tempo, da hierarquia eclesiástica e membros do monacato. Tomamos como documentos para análise alguns livros das Instituições cenobíticas e das Conferências de João Cassiano, bem como hagiografias e textos de elogios produzidos por monges da Abadia de Lérins.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rossana Alves Pinheiro, Universidade Federal de São Paulo

Doutora em História. Professora do Departamento de História da Universidade Federal de São Paulo – Unifesp.

Downloads

Publicado

2014-06-16

Como Citar

PINHEIRO, R. A. HIERARQUIA ECLESIÁSTICA E PREGAÇÃO NA PROVENÇA DO SÉCULO V - doi: 10.5216/hr.v19i1.30506. História Revista, Goiânia, v. 19, n. 1, p. 11–35, 2014. DOI: 10.5216/hr.v19i1/30506. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/30506. Acesso em: 5 jul. 2022.