DOM AFONSO II E AS CORTES PORTUGUESAS DE 1211: UMA PROPOSTA DE REORGANIZAÇÃO DA VIDA COTIDIANA

Autores

  • Teresinha Maria Duarte Mendes Profa. do Departamento de História do Campus Avançado de Catalão da UFG; Doutora em História pela UnB.

DOI:

https://doi.org/10.5216/hr.v10i1.10085

Resumo

A formação do estado português aconteceu no contexto das cruzadas e das guerras da reconquista, sendo o cotidiano da população permeado pela violência e pela rapina. D. Afonso II, o terceiro rei de Portugal, amparado no processo legislativo, procurou reorganizar a vida da população portuguesa através das leis emanadas das Cortes de 1211, seja propondo uma mudança dos hábitos e das vivências, seja sancionando costumes novos mais condizentes com uma sociedade que já queria uma nacionalidade.

Palavras-chave: Portugal, D. Afonso, cotidiano, legislação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-06-06

Como Citar

MENDES, T. M. D. DOM AFONSO II E AS CORTES PORTUGUESAS DE 1211: UMA PROPOSTA DE REORGANIZAÇÃO DA VIDA COTIDIANA. História Revista, Goiânia, v. 10, n. 1, 2010. DOI: 10.5216/hr.v10i1.10085. Disponível em: https://revistas.ufg.br/historia/article/view/10085. Acesso em: 3 jul. 2022.

Edição

Seção

Dossiê