ESTUDO DO ESTADO NUTRICIONAL DE CRIANÇAS NA IDADE ESCOLAR NA CIDADE DE FRANCA-SP: UMA INTRODUÇÃO AO PROBLEMA

Autores

  • Maria Aparecida T. Cano Faculdade de Enfermagem
  • Cláudia Haddad Caleiro Pereira Faculdade de Enfermagem
  • Carolina Cristina Coimbra Silva Faculdade de Enfermagem
  • Juliana Neves Pimenta Faculdade de Enfermagem
  • Paula Silva Maranha Faculdade de Enfermagem

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v7i2.885

Resumo

RESUMO: Dentre os problemas nutricionais da infância, a obesidade é a que mais chama a atenção na área da saúde. Objetivo: avaliar o perfil nutricional de crianças entre 7 e 8 anos de idade em escolas públicas e privadas da cidade de Franca-SP. Metodologia: dividimos as escolas segundo a clientela que as freqüentava em carentes, mistas e particulares. Nossa amostra foi de 171 crianças que foram entrevistadas, pesadas e medidas. Resultado: 44 alunos (25,6%) apresentaram um tipo de risco nutricional, sendo 29 (16,9%) com risco para obesidade, e destes, 8 (27,5%) freqüentavam escola carente ou mista. Conclusão: tanto crianças com risco para obesidade, quanto aquelas consideradas “normais” para o peso não têm uma alimentação saudável e vivem uma vida sedentária. As cantinas das escolas não são supervisionadas. Nesta primeira aproximação do tema, verificamos que Franca, nós já temos escolares com risco para obesidade. PALAVRAS CHAVES: Saúde Escolar; Obesidade; Avaliação Nutricional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

26/12/2006

Como Citar

1.
Cano MAT, Pereira CHC, Silva CCC, Pimenta JN, Maranha PS. ESTUDO DO ESTADO NUTRICIONAL DE CRIANÇAS NA IDADE ESCOLAR NA CIDADE DE FRANCA-SP: UMA INTRODUÇÃO AO PROBLEMA. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 26º de dezembro de 2006 [citado 20º de maio de 2022];7(2). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/885

Edição

Seção

Artigo Original