A produção científica na graduação em enfermagem (1997 a 2004): análise crítica

Autores

  • Kelly Graziani Giacchero Universidade de São Paulo, Enfermagem da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto
  • Adriana Inocenti Miasso Universidade de São Paulo, Enfermagem da Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v8i3.7082

Palavras-chave:

Pesquisa, Estudantes de enfermagem, Enfermagem.

Resumo

Este estudo tem o propósito de identificar o perfil da produção científica da graduação em enfermagem apresentada no Simpósio de Iniciação Científica da USP (SIICUSP) entre os anos de 1997 a 2004, descrever fatores que podem influenciar o perfil dessa produção e estabelecer uma comparação com o estudo de PEREIRA et al (1999) que realizou estudo no período de 1993 a 1996 do referido evento. A metodologia baseou-se na análise dos resumos referentes à área de enfermagem nos anais do SIICUSP do período citado mediante a classificação por tipos de pesquisa, temáticas abordadas, agências fomentadoras e instituições/departamentos de origem. Identificou-se que a maioria dos estudos é financiada por agências de fomento, houve predomínio de pesquisas não-experimentais e os aspectos sócio-culturais foram destaque entre as temáticas abordadas. As instituições públicas são as que mais contribuíram na produção de conhecimento científico. Tais características são similares às encontradas por PEREIRA et al (1999) no período de 1993 a 1996 e a análise comparativa dos achados da produção entre 1997 a 2004 revelou, ainda, um aumento progressivo do número de trabalhos apresentados, bem como a crescente participação de outras universidades no SIICUSP (que até 1996 era restrito à USP). Concluiu-se que a iniciação científica é importante etapa da formação do pesquisador e espaço para o desenvolvimento da cultura de consumo e produção do conhecimento. É fundamental ainda a observação de que ela não se desvincule das necessidades da sociedade atual e dos assuntos que motivam o aluno, visando garantir o crescimento, a qualidade e a valorização da produção de conhecimento na área da enfermagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

01/09/2009

Como Citar

1.
Giacchero KG, Miasso AI. A produção científica na graduação em enfermagem (1997 a 2004): análise crítica. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 1º de setembro de 2009 [citado 25º de maio de 2022];8(3). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/7082

Edição

Seção

Artigo de Revisão