A prática do enfermeiro na Estratégia Saúde da Família: o caso do município de Vitória/ES

Autores

  • Vanezia Gonçalves Silva Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória
  • Maria Catarina Salvador Motta UFRJ
  • Regina Célia Gollner Zeitoune UFRJ

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v12i3.5278

Palavras-chave:

Saúde Pública, Enfermagem em Saúde Pública, Programa Saúde da Família

Resumo

doi: 10.5216/ree.v12i3.5278

A Estratégia Saúde da Família tem ganhado notoriedade no plano nacional, contudo alguns entraves denotam ser um campo pérvio a pertinentes estudos e discussões, neste tocante o estudo teve como objetivo: caracterizar a prática do enfermeiro na Estratégia Saúde da Família de Vitória, Espírito Santo.  Estudo de Caso foi o caminho metodológico escolhido, baseado em evidências quantitativas, sendo os dados tratados a partir de distribuição de frequência simples, com aplicação de questionário nos meses de agosto a novembro de 2006. Participaram como sujeitos voluntários desta pesquisa 34 enfermeiros, que compunham as equipes da Saúde da Família, após a anuência do estudo e que este atende a Resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde. Os resultados demonstraram que a prática do enfermeiro é direcionada de acordo com ações pré-estabelecidas pelo Ministério da Saúde e Secretaria Municipal de Saúde. Os dados evidenciam que os enfermeiros desempenham todas as ações minimamente preconizadas, todavia esta atuação parece não estar obtendo o suficiente impacto no que tange a prevenção de doenças e promoção da saúde, pois estão majoritariamente empenhadas nas ações curativas e administrativas. Limitações de cunho, organizacionais, estruturais e conceituais, foram citadas como principais fatores impeditivos para o desenvolvimento ideal das práticas de enfermagem.

Descritores: Saúde Pública; Enfermagem em Saúde Pública; Programa Saúde da Família.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanezia Gonçalves Silva, Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória

Enfermeira. Mestre em Enfermagem. Docente, Escola Superior de Ciências da Santa Casa de Misericórdia de Vitória. Virória, ES, Brasil. E-mail: vanezia@hotmail.com.

Maria Catarina Salvador Motta, UFRJ

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Pós-Doutora em Enfermagem. Professora Adjunta, Escola de Enfermagem Anna Nery (EEAN), Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Rio de Janeiro, RJ, Brasil. E-mail: ma.catarina@gmail.com.

Regina Célia Gollner Zeitoune, UFRJ

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Professor Associado I, EEAN, UFRJ. Rio de Janeiro, RJ, Brasil. E-mail: regina.zeitoune@gmail.com.

Downloads

Publicado

30/09/2010

Como Citar

1.
Silva VG, Motta MCS, Zeitoune RCG. A prática do enfermeiro na Estratégia Saúde da Família: o caso do município de Vitória/ES. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 30º de setembro de 2010 [citado 5º de dezembro de 2022];12(3):441-8. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/5278

Edição

Seção

Artigo Original