Saúde Mental no contexto da atenção básica: potencialidades, limitações, desafios do Programa Saúde da Família

Autores

  • Denize Bouttelet Munari Universidade Federal de Goiás
  • Terezinha Silvério de Melo Universidade Federal de Goiás
  • Valéria Pagotto Universidade Federal de Goiás
  • Bárbara Souza Rocha Universidade Federal de Goiás
  • Carlene Borges Soares Caps - Beija-flor
  • Marcelo Medeiros Universidade Federal de Goiás

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v10.46643

Palavras-chave:

Saúde mental, Saúde da família, Revisão

Resumo

Esse estudo destaca as possibilidades da inclusão da atenção em saúde mental no Programa de Saúde da Família (PSF). O objetivo foi analisar na literatura nacional as possibilidades, limites e desafios dos profissionais do PSF no enfrentamento das questões concernentes à prática. Revisão de literatura realizada em agosto/2007, na Biblioteca Virtual em Saúde, sendo acessadas bases LILACS e SciELO. A busca foi realizada por meio dos descritores “saúde mental”, “família”, e “programa saúde da família”, recuperando apenas artigos publicados em periódicos disponíveis nessas bases entre 1997 e 2007. Identificamos 155 títulos inicialmente que, ao serem analisados possibilitou seleção de 50 artigos (30 LILACS e 20 SciELO). Esse exercício levou a organização do material em dois pontos de convergência: 1. Programa Saúde da Família e a Reabilitação Psicossocial: o que há de comum? 2. Do descompasso aos vôos possíveis: limites, contradições, impasses e possibilidades na atenção em saúde mental no PSF. Concluímos que embora haja tendência de expansão da produção do conhecimento sobre a temática ainda é necessário investimento em iniciativas de superação do modelo assistência, que de fato tenha impacto na prática assistencial.


Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Denize Bouttelet Munari, Universidade Federal de Goiás

Enfermeira Psiquiátrica. Professora Doutora, Titular da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás. E-mail: denize@fen.ufg.br

Terezinha Silvério de Melo, Universidade Federal de Goiás

Enfermeira de Saúde Pública. Mestre em Enfermagem. Professora Adjunto da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás

Valéria Pagotto, Universidade Federal de Goiás

Enfermeira. Professora Substituta da Área de Saúde Pública da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás.

Bárbara Souza Rocha, Universidade Federal de Goiás

Enfermeira. Coordenadora Distrital do Programa de Saúde da Família, Secretaria Municipal de Saúde de Goiânia, Mestrando do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem da Universidade Federal de Goiás

Carlene Borges Soares, Caps - Beija-flor

Terapêuta Ocupacional. Mestre em Psicologia Social. Supervisora Técnica do CAPS Beija-Flor em Goiânia/GO

Marcelo Medeiros, Universidade Federal de Goiás

Enfermeiro de Saúde Pública. Doutor em Enfermagem. Professor Associado da Faculdade de Enfermagem da Universidade Federal de Goiás

Downloads

Publicado

04/05/2017

Como Citar

1.
Munari DB, Melo TS de, Pagotto V, Rocha BS, Soares CB, Medeiros M. Saúde Mental no contexto da atenção básica: potencialidades, limitações, desafios do Programa Saúde da Família. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 4º de maio de 2017 [citado 27º de maio de 2022];10(3). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/46643

Edição

Seção

Artigo de Revisão