A expansão do tratamento supervisionado (TS) para o controle da tuberculose na Paraíba (1999/2005)

Autores

  • Gianne de Oliveira Rodrigues Programa Saúde da Família do Município de Condado
  • Lenilde Duarte de Sá Universidade Federal da Paraíba
  • Jordana de Almeida Nogueira Universidade Federal da Paraíba
  • Lecidâmia Cristina Leite Damascena Hospital Português
  • Anna Luiza Castro Gomes Universidade Federal da Paraíba
  • Tereza Cristina Scatena Villa Universidade de São Paulo

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v10.46594

Palavras-chave:

Tuberculose, Epidemiologia, Promoção da Saúde, Enfermagem em saúde Comunitária

Resumo

O tratamento supervisionado (TS) é um dos pilares da Estratégia DOTS (Directly Observed Treatment Short-course) e sua adoção vem sendo recomendada, para o controle da tuberculose (TB). Neste estudo objetivou-se analisar as potencialidades e fragilidades no processo de expansão do Tratamento Supervisionado (TS) nos seis municípios considerados prioritários para o controle da TB na Paraíba-PB/Brasil. Pesquisa de natureza qualitativa, que utilizou a entrevista semi-estruturada com 21 profissionais envolvidos na implantação e expansão do DOTS nos seis municípios. Os dados foram analisados pela técnica de análise de conteúdo, modalidade temática. Como potencialidades foram identificadas: apoio dos gestores no processo de descentralização do TS para as Unidades de Saúde da Família (USF); compromisso dos profissionais e boa comunicação entre USF e referências. Dentre as fragilidades relatadas observa-se a falta de apoio dos gestores para garantir infra-estrutura e estímulo financeiro para o profissional; falta de qualificação profissional; alta rotatividade dos profissionais e centralização da distribuição de medicamento. Apesar dos esforços para implantação do TS, reconhece-se que sua ampliação esta condicionada a capacidade gerencial e ao compromisso político dos gestores.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Gianne de Oliveira Rodrigues, Programa Saúde da Família do Município de Condado

Enfermeira graduada pela Universidade Federal da Paraíba em 2007.  Coordenadora do Programa Saúde da Família do Município de Condado - PE. Email: gianne.enf@hotmail.com

Lenilde Duarte de Sá, Universidade Federal da Paraíba

Profa. Dra. Dep.de Enfermagem de Saúde Pública e Psiquiatria da Universidade Federal da Paraíba e vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Enfermagem-PPGENF/UFPB. João Pessoa - PB. E-mail: lenilde_sa@yahoo.com.br

Jordana de Almeida Nogueira, Universidade Federal da Paraíba

Profa. Dra. Dep.de Enfermagem Médico-Cirúrgica e Administração da Universidade Federal da Paraíba e vinculada ao Programa de Pós-Graduação em Enfermagem-PPGENF/UFPB. João Pessoa – PB. E-mail: jal_nogueira@yahoo.com.br.

Lecidâmia Cristina Leite Damascena, Hospital Português

Enfermeira graduada pela Universidade Federal da Paraíba em 2007.  Enfermeira do Hospital Português – Recife/PE. E-mail: lecidamia@hotmail.com.

Anna Luiza Castro Gomes, Universidade Federal da Paraíba

Mestre em enfermagem pelo Programa de Pós-Graduação em Enfermagem-PPGENF/UFPB. Enfermeira do Programa de Saúde da Família de João Pessoa – PB. E-mail: annaenf@gmail.com.

Tereza Cristina Scatena Villa, Universidade de São Paulo

Enfermeira. Doutora em Enfermagem e Saúde Pública pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto (EERP) da Universidade de São Paulo (USP). Ribeirão Preto/SP - Brasil. E-mail: tite@eerp.usp.br.

Downloads

Publicado

04/05/2017

Como Citar

1.
Rodrigues G de O, Sá LD de, Nogueira J de A, Damascena LCL, Gomes ALC, Villa TCS. A expansão do tratamento supervisionado (TS) para o controle da tuberculose na Paraíba (1999/2005). Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 4º de maio de 2017 [citado 27º de maio de 2022];10(3). Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/46594

Edição

Seção

Artigo Original