Mulheres expostas ao HIV/AIDS: promovendo qualidade de vida na atenção básica

Autores

  • Maria Emília Romero de Miranda Henriques Universidade Federal da Paraíba
  • Édija Anália Rodrigues de Lima Universidade Federal da Paraíba

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v11i4.33251

Palavras-chave:

Mulheres, AIDS, Qualidade de vida, Atenção primária à saúde

Resumo

Um dos objetivos específicos do Programa de Assistência Integral a Saúde da Mulher é a ampliação e qualificação clínico-ginecológica, inclusive para cuidar das portadoras de infecção pelo HIV e outras DST’s, por meio de estratégias que favoreçam o fortalecimento da atenção básica. Este estudo teve o objetivo de analisar a opinião de mulheres, assistidas pelo PSF e CTA do município de Bayeux-PB, quanto às orientações fornecidas por profissionais de saúde em relação ao HIV/AIDS. Estudo exploratório de abordagem qualitativa, realizado em 2006, que contou com a participação de 22 mulheres. Os dados foram analisados por meio da técnica do Discurso do Sujeito Coletivo e apresentados em quadros. Identificou-se que as mulheres tinham faixa etária variando entre 19 e 60 anos, e 82% referiram ter o primeiro grau incompleto. De acordo com os discursos pode-se evidenciar que não está havendo continuidades nos trabalhos de orientação sobre DSTs/AIDS na atenção básica; Houve satisfação quanto as orientações obtidas no CTA; Identificou-se impedimentos para o uso do preservativo. Acredita-se que elas necessitam de assistência em espaços educativos. Todavia para que haja mudança nas práticas assistenciais dos profissionais, é primordial o envolvimento da equipe gestora.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Emília Romero de Miranda Henriques, Universidade Federal da Paraíba

Enfermeira. Doutora em Enfermagem. Pós-Doutora pela Universidade de Granada. Professor Associado II do Departamento de Enfermagem Médico - Cirúrgica e Administração da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). João Pessoa, PB. E-mail: milahenriques@hotmail.com.

Édija Anália Rodrigues de Lima, Universidade Federal da Paraíba

Enfermeira. Aluna do Programa de Pós-Graduação em Enfermagem, nível Mestrado da UFPB. João Pessoa, PB. E-mail: edijamiga@yahoo.com.br.

Downloads

Publicado

31/12/2009

Como Citar

1.
Henriques MER de M, Lima Édija AR de. Mulheres expostas ao HIV/AIDS: promovendo qualidade de vida na atenção básica. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 31º de dezembro de 2009 [citado 27º de maio de 2022];11(4):952-63. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/33251

Edição

Seção

Artigo Original