A família e a prática de amamentação em bebês de baixo peso ao nascer

Autores

  • Laise Conceição Caetano Escola de Enfermagem, Universidade Federal de Minas Gerais
  • Gabriela Santos Nascimento Programa Saúde da Família, Prefeitura de Contagem
  • Maria Cristina Aranha do Nascimento Universidade Federal de Ouro Preto

DOI:

https://doi.org/10.5216/ree.v13i3.10646

Palavras-chave:

Relações Familiares, Aleitamento materno, Recém-Nascido, Comportamento Materno, Enfermagem Familiar.

Resumo

Estudo prospectivo relativo ao acompanhamento de famílias em ambiente hospitalar e ambulatorial cujos bebês nasceram com baixo peso. Teve como objetivo de identificar fontes de apoio e conflito que influenciam o cuidado e a prática da amamentação, com base na estrutura das famílias e suas relações. Participaram do estudo 33 famílias com base no estudo do genograma, do ecomapa e das informações de protocolo estruturado. Utilizou-se como referencial teórico o Interacionismo Simbólico. Das famílias, 24,2% tinham conflito intrafamiliar e ausência de apoio para o cuidado e amamentação. Tal condição se relacionou com dificuldades maternas cujo motivo predominante foi a condição emocional. Com o apoio das famílias, 40% das nutrizes tiveram dificuldades relacionadas ao manejo da amamentação. A amamentação exclusiva foi possível pelo diagnóstico das condições familiares, bem como da condição de suporte encontrada. A identificação dos pontos vulneráveis e o atendimento das necessidades dos familiares devem fazer parte dos cuidados.

Descritores: Relações Familiares; Aleitamento materno; Recém-Nascido; Comportamento Materno; Enfermagem Familiar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Laise Conceição Caetano, Escola de Enfermagem, Universidade Federal de Minas Gerais

Enfermeira, Doutora em Enfermagem em Saúde Pública. Professora Doutora, Escola de Enfermagem, Universidade Federal de Minas Gerais. Belo Horizonte, MG, Brasil. E-mail: laise13@yahoo.com.br.

Gabriela Santos Nascimento, Programa Saúde da Família, Prefeitura de Contagem

Enfermeira. Enfermeira do Programa Saúde da Família, Prefeitura de Contagem. Contagem, MG, Brasil. E-mail: gabinasci19@yahoo.com.br.

Maria Cristina Aranha do Nascimento, Universidade Federal de Ouro Preto

Médica, Doutora em Ciências da Saúde. Professora Adjunta, Universidade Federal de Ouro Preto. Ouro Preto, MG, Brasil. E-mail: nascimen@globalsite.com.br.

Downloads

Publicado

30/09/2011

Como Citar

1.
Caetano LC, Nascimento GS, Nascimento MCA do. A família e a prática de amamentação em bebês de baixo peso ao nascer. Rev. Eletr. Enferm. [Internet]. 30º de setembro de 2011 [citado 24º de maio de 2022];13(3):431-8. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fen/article/view/10646

Edição

Seção

Artigo Original