Para atletas brasileiros(as) retratados(as) nas notícias do comitê paralímpico brasileiro: distanciamento social na pandemia de COVID-19

Autores

  • Giandra Anceski Bataglion Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, giandraanceski@gmail.com
  • Janice Zarpellon Mazo Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, janice.mazo@ufrgs.br
  • Vitória Crivellaro Sanchotene Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, vitoria.sanchotene@hotmail.com
  • Ester Liberato Pereira Universidade Estadual de Montes Claros (UEMC), Montes Claros, Minas Gerais, Brasil, ester.pereira@unimontes.br https://orcid.org/0000-0001-6193-9132

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v25.69820

Palavras-chave:

Coronavírus., Para atletas., Esportes para pessoas com deficiência.

Resumo

Este texto buscou averiguar as percepções de Para atletas brasileiros(as) com relação aos impactos da pandemia de COVID-19 em seus percursos esportivos. Foram realizados o levantamento e a catalogação de notícias do site do Comitê Paralímpico Brasileiro. A partir da técnica de análise temática de conteúdo, evidenciamos: incertezas quanto aos Jogos Paralímpicos 2020; saudades das relações interpessoais; aproximação com a família; aumento das interações virtuais; prática de exercícios físicos com orientações virtuais; preocupações com o peso corporal; dificuldades com o sono; falta de disposição para treinar em casa; expectativas quanto ao retorno dos treinos presenciais. Distintas estratégias foram adotadas a fim de migar-se os impactos da pandemia ao esporte paralímpico no país.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Giandra Anceski Bataglion, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, giandraanceski@gmail.com

Possui graduação e mestrado em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina. Tem experiência na área de Educação Física com ênfase em Atividade Motora Adaptada. É membro do Laboratório de Pesquisa em Lazer e Atividade Física (LAPLAF) do CEFID/UDESC. Integrante do Núcleo de Pesquisa em Pedagogia do Esporte (NUPPE) do CDS/UFSC e do Programa de Atividade Motora Adaptada (AMA) do CDS/UFSC.

Downloads

Publicado

2022-06-30

Como Citar

ANCESKI BATAGLION, G.; ZARPELLON MAZO, J.; CRIVELLARO SANCHOTENE, V. .; LIBERATO PEREIRA , E. . Para atletas brasileiros(as) retratados(as) nas notícias do comitê paralímpico brasileiro: distanciamento social na pandemia de COVID-19. Pensar a Prática, Goiânia, v. 25, 2022. DOI: 10.5216/rpp.v25.69820. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/69820. Acesso em: 26 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais