O MEDO NA APRENDIZAGEM DA NATAÇÃO

  • Aline Dessupoio Chaves Universidade Federal do Triângulo Mineiro
  • Alexandre de Carvalho Silva Universidade Federal do Triângulo Mineiro/aluno graduação
  • Osvaldo Luiz Ferraz Universidade de São Paulo
  • Myrian Nunomura Universidade de São Paulo
  • Michele Viviene Carbinatto Universidade de São Paulo
Palavras-chave: Medo, Natação, Aprendizagem

Resumo

O objetivo deste estudo foi verificar o que causa medo nos praticantes de natação e identificar o que eles fazem para superar esse sentimento. A amostra foi composta por 18 alunos iniciantes de natação, com média de idade de 29,72 ± 9,70 anos. O instrumento utilizado foi um questionário e para análise dos dados foi utilizada a estatística descritiva, e o método do “Discurso do Sujeito Coletivo” (DSC). Identificou-se que a imersão, a saída (mergulho), a falta de prática, os traumas, causam medo em alguns alunos. Para superar o medo, realizam técnicas de respiração e tentam executar o movimento que sentem medo. Compreender o medo do aluno pode auxiliar aos profissionais no estabelecimento de direcionamentos didáticos para a aprendizagem da natação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Aline Dessupoio Chaves, Universidade Federal do Triângulo Mineiro
Atualmente é professora da Universidade Federal do Triângulo Mineiro, das disciplinas Psicologia do Esporte e Fundamentos das Atividades Aquáticas I e II, e coordena o curso de Bacharelado em Educação Física. Foi professora substituta da Universidade Federal de Juiz de Fora por 4 anos e técnica de equipe de natação do Colégio dos Jesuítas em Juiz de Fora, por 2 anos. Formou-se em Licenciatura Plena em Educação Física pela UFJF, especialista em Atividades Aquáticas pela UGF, Mestre em Ciência da Motricidade Humana pela UCB e doutoranda em Educação Física na USP. Tem experiência na área de Educação Física com ênfase em Pedagogia do Esporte e Atividades Aquáticas.
Osvaldo Luiz Ferraz, Universidade de São Paulo
Possui graduação em Licenciatura Plena em Educação Física pela Universidade de São Paulo (1984), mestrado em Educação Física pela Universidade de São Paulo (1993) e doutorado em Educação pela Universidade de São Paulo (2000). Atualmente é professor doutor da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Educação Física, com ênfase em Educação Física Escolar, atuando principalmente nos seguintes temas: educação física na educação básica, formação de professores e ensino de educação física na escola.
Myrian Nunomura, Universidade de São Paulo
Obteve a graduação em Licenciatura em Educação Física pela Universidade de São Paulo (1989); mestrado em Educação pela Yokohama National University (1995); doutorado em Ciências do Esporte pela Universidade Estadual de Campinas (2001); pós-doutoramento pela University of Tsukuba (2008) e livre-docência pela Universidade de São Paulo (2009). Atualmente é professora associada da Universidade de São Paulo. Tem experiência na área de Educação Física e de Esporte, com ênfase em Ginástica e suas diversas manifestações; Ginástica Artística Competitiva; Pedagogia do Esporte; e Formação Profissional no Esporte (Coach Education).
Michele Viviene Carbinatto, Universidade de São Paulo
Doutora em Educação Física pela USP (2012), mestrado em Educação Fïsica pela UNIMEP (2006) e Licenciada e Bacharel em Educação Física pela UNICAMP (2003/2006). Vivenciou estudos e práticas de Ginástica em Viborg-Dinamarca (2007). Atualmente é docente na Universidade de São Paulo (USP) na Escola de Educação Física e Esportes, curso de Esporte. Atua como docente colaboradora do mestrado em Educação Fisica na Universidade Federal do Triangulo Mineiro. É líder do grupo de estudos Nucorpo/UFTM e pesquisadora do grupo Eunegi/USP. Desenvolve estudos na área de Formação e Atuação Profissional, Pedagogia do Esporte e Ginástica.
Publicado
18-12-2015
Como Citar
Chaves, A., Silva, A., Ferraz, O. L., Nunomura, M., & Carbinatto, M. (2015). O MEDO NA APRENDIZAGEM DA NATAÇÃO. Pensar a Prática, 18(4). https://doi.org/10.5216/rpp.v18i4.31285
Seção
Artigos Originais