FATORES MOTIVACIONAIS RELACIONADOS À PRÁTICA DE GINÁSTICA RÍTMICA

Autores

  • Anderson Simas Frutuoso Universidade Federal de Santa Catarina
  • Maria Helena Kraeski Centro de Ciências da Saúde e do Esporte/CEFID, Universidade do Estado de Santa Catarina/UDESC
  • Ruy Jornada Krebs Laboratório de Desenvolvimento e Aprendizagem Motora/LADAP. Centro de Ciências da Saúde e do Esporte/CEFID, Universidade do Estado de Santa Catarina/UDESC

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v16i4.20659

Palavras-chave:

Ginástica Rítmica, Motivação, Prática Esportiva.

Resumo

O estudo apresenta uma análise dos fatores motivacionais na prática de Ginástica Rítmica. Os sujeitos do estudo foram 34 integrantes de uma equipe de ginástica rítmica de Florianópolis (SC), todas do sexo feminino, com faixa etária de 10 a 20 anos. O instrumento utilizado foi a ESCALA DE MOTIVOS PARA PRÁTICA ESPORTIVA (EMPE), adaptação brasileira do PMQ, de Barroso e Krebs (2007). Os resultados indicaram os fatores Afiliação e Técnica como os mais importantes, e Status e Liberação de Energia como os menos importantes. Conclui-se que as estratégias motivacionais para este grupo devem fundamentar-se no fortalecimento das relações interpessoais existentes nele e na evolução do treinamento, e que a cobrança por resultados em competições deve ser estimulada de forma gradativa.

 

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Anderson Simas Frutuoso, Universidade Federal de Santa Catarina

Bacharel e Licenciado em Educação Física pela Universidade do Estado de Santa Catarina (2008). Professor do Instituto Estadual de Educação.
Discente do Curso de Mestrado do Programa de Pós Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Santa Catarina.

Endereço para correspondência: 

Departamento de Esporte Escolar - Instituto Estadual de Educação.
Avenida Mauro Ramos, 275 - Centro. CEP: 88020-300 - Florianopolis, SC - Brasil
Telefone: (48) 3251-1860

http://lattes.cnpq.br/3025797333200503

Maria Helena Kraeski, Centro de Ciências da Saúde e do Esporte/CEFID, Universidade do Estado de Santa Catarina/UDESC

Mestre em Ciências do Movimento Humano pela Universidade do Estado de Santa Catarina.
Professora titular do Centro de Ciências da Saúde e do Esporte (CEFID), Universidade do Estado de Santa Catarina.

http://lattes.cnpq.br/4640173561075456

Ruy Jornada Krebs, Laboratório de Desenvolvimento e Aprendizagem Motora/LADAP. Centro de Ciências da Saúde e do Esporte/CEFID, Universidade do Estado de Santa Catarina/UDESC

(in memorian)
Pós-doutorado em Desenvolvimento Motor - Indiana University.

Professor titular do Centro de Ciências da Saúde e do Esporte(CEFID), Universidade do Estado de Santa Catarina.

http://lattes.cnpq.br/4640173561075456

Downloads

Publicado

2013-12-20

Como Citar

FRUTUOSO, A. S.; KRAESKI, M. H.; KREBS, R. J. FATORES MOTIVACIONAIS RELACIONADOS À PRÁTICA DE GINÁSTICA RÍTMICA. Pensar a Prática, Goiânia, v. 16, n. 4, 2013. DOI: 10.5216/rpp.v16i4.20659. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/20659. Acesso em: 26 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais