A IGREJA, O ESTADO E A BOLA: HISTÓRIA DO ESPORTE ENTRE OS ÍNDIOS DO BRASIL CENTRAL

Autores

  • Cleber Dias Faculdade de Educação Física, Universidade Federal de Goiás - Goiânia

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v15i1.17069

Palavras-chave:

História, Esporte, Índios

Resumo

O objetivo deste trabalho é analisar a história da difusão de esportes entre os índios do Brasil Central, apresentando alguns dados preliminares a esse respeito, além de sumariar uma agenda de pesquisas e um quadro teórico possível para a interpretação dessa relação. Ações do Estado e de missionários religiosos foram as duas principais medidas responsáveis pela disseminação de esportes entre os índios dessa região. Diferente do que algumas interpretações correntes afirmam, o significado histórico desse processo não necessariamente representou a destruição das culturas indígenas tradicionais, embora tenham sido estas, geralmente, a intenção dos agentes responsáveis pelo processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cleber Dias, Faculdade de Educação Física, Universidade Federal de Goiás - Goiânia

Professor da UFG; Doutorando em Educação Física (Unicamp), Mestre em História Comparada (UFRJ), especialista em Educação Física Escolar (UFF) e graduado em Educação Física. Participa como pesquisador do grupo de pesquisa Anima (www.lazer.eefd.ufrj.br); do Sport: Laboratório de História do Esporte e do Lazer (http://www.lazer.eefd.ufrj.br/sport), dedicando-se, nesses casos, a investigações do fenômeno do lazer e do esporte.

Downloads

Publicado

2012-04-01

Como Citar

DIAS, C. A IGREJA, O ESTADO E A BOLA: HISTÓRIA DO ESPORTE ENTRE OS ÍNDIOS DO BRASIL CENTRAL. Pensar a Prática, Goiânia, v. 15, n. 1, 2012. DOI: 10.5216/rpp.v15i1.17069. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/17069. Acesso em: 2 out. 2022.