AMBIENTE INSTITUCIONAL E DIFUSÃO DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: UMA ANÁLISE DO DESEMPENHO DE 2005 A 2010

Autores

  • Edmilson Santos dos Santos UNIVASF

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v16i1.15535

Palavras-chave:

políticas públicas, políticas social, esporte, institucionalismo, Programa Segundo Tempo.

Resumo

Este estudo tem por objetivo verificar se o ambiente institucional nos municípios contribui para a difusão do Programa Segundo Tempo. Os municípios que compuseram a análise foram aqueles que receberam algum núcleo do PST de 2005 a 2009. As instituições selecionadas para a análise do ambiente institucional foram: a Secretaria Municipal de Esporte, o Conselho Municipal de Esporte, o Conselho Municipal da Criança e a Política de esporte prevista em Lei Orgânica. O ambiente institucional não é uma variável robusta para explicar a difusão do programa.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Edmilson Santos dos Santos, UNIVASF

Professor do Colegiado de Educação Física da UNIVASF

Downloads

Publicado

2013-03-28

Como Citar

DOS SANTOS, E. S. AMBIENTE INSTITUCIONAL E DIFUSÃO DO PROGRAMA SEGUNDO TEMPO: UMA ANÁLISE DO DESEMPENHO DE 2005 A 2010. Pensar a Prática, Goiânia, v. 16, n. 1, 2013. DOI: 10.5216/rpp.v16i1.15535. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/15535. Acesso em: 13 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais