EXISTE ESPAÇO PARA O ENSINO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA ESCOLA BÁSICA?

Autores

  • Marcus Aurélio Taborda de Oliveira

DOI:

https://doi.org/10.5216/rpp.v2i0.152

Resumo

Esse trabalho objetiva apontar algumas perspectivas para o redimensionamento da Educação Física no interior da instituição escolar. Procura evidenciar a falta de horizontes para o atual modelo adotado na escola. Por outro lado, aponta algumas possibilidades de reversão de um quadro pouco promissor, quando imputa à Educação Física a organização, a sistematização e a decodificação das práticas corporais de homens e mulheres, para além dos limites cinestésicos. Tem na corporalidade sua possibilidade de compreensão e explicitação da dinâmica cultural e defende o professor de Educação Física como o intelectual responsável por essa tarefa no plano das práticas corporais. PALAVRAS-CHAVE: Educação Física escolar; formação profissional; políticas públicas para a Educação Física escolar.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcus Aurélio Taborda de Oliveira

Prof. da faculdade de Educação Física da Universidade Federal de Goiás, Licenciado em Educacação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina, Especialista em Educação Física pela Universidade Federal de Viçosa e mestre em Educação brasileira pela Universidade Federal de Goiás.

Downloads

Publicado

2006-11-15

Como Citar

OLIVEIRA, M. A. T. de. EXISTE ESPAÇO PARA O ENSINO DE EDUCAÇÃO FÍSICA NA ESCOLA BÁSICA?. Pensar a Prática, Goiânia, v. 2, p. 119–135, 2006. DOI: 10.5216/rpp.v2i0.152. Disponível em: https://revistas.ufg.br/fef/article/view/152. Acesso em: 1 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais