A PRODUÇÃO CAMPONESA DE FARINHA DE MANDIOCA NA AMAZÔNIA SUL OCIDENTAL - DOI 10.5216/bgg.V31i2.16843

Autores

  • César Gomes de Freitas Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Vale do Juruá
  • Cleilton Sampaio de Farias Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Vale do Juruá
  • Olivier François Vilpoux Universidade Católica Dom Bosco

DOI:

https://doi.org/10.5216/bgg.v31i2.16843

Resumo

Este estudo objetivou compreender as características da produção de farinha de mandioca no município deCruzeiro do Sul, Acre, situado na Amazônia Sul Ocidental. Neste município, que não possui ligação rodoviáriapermanente com o restante do Brasil, as casas de farinha possuem forte participação no fornecimento de empregoe renda para a população local. A coleta e a análise dos dados foram realizadas no mês de outubro de 2009.Utilizou-se o método descritivo com amostragem de pequenos produtores do município mediante aplicação dequestionário por meio de entrevistas pessoais (MALHOTRA, 2001). O questionário abordou temas qualitativose quantitativos, por meio de perguntas estruturadas, dicotômicas, de múltipla escolha e escalonadas. Alémdas entrevistas com os produtores, foi realizada entrevista com a coordenação local da Secretaria de Estadode Extensão Agroflorestal e Produção Familiar. Enfim, nos resultados da pesquisa, encontramos evidências dapredominância de referências camponesas entre os valores que orientam o cultivo da mandioca, a produção defarinha e a forma de organização social e territorial estabelecida na região.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2012-01-11

Como Citar

GOMES DE FREITAS, C.; SAMPAIO DE FARIAS, C.; FRANÇOIS VILPOUX, O. A PRODUÇÃO CAMPONESA DE FARINHA DE MANDIOCA NA AMAZÔNIA SUL OCIDENTAL - DOI 10.5216/bgg.V31i2.16843. Boletim Goiano de Geografia, Goiânia, v. 31, n. 2, p. 29–42, 2012. DOI: 10.5216/bgg.v31i2.16843. Disponível em: https://revistas.ufg.br/bgg/article/view/16843. Acesso em: 13 jun. 2024.

Edição

Seção

Artigos