O contexto social e a construção da identidade no sertão nordestino/Brasil – releituras do filme Narradores de Javé

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v15i3.70561

Resumo

O texto se propõe a uma releitura do filme Narradores de Javé delimitada pelo tema “o contexto social e a construção da identidade no sertão nordestino”. Aborda o conceito de patrimônio juntamente com a cultura e a paisagem, observando a necessidade de se distinguir patrimônio e patrimonialização; considera as identidades como acúmulo das mentalidades e das invenções e toma o sertão como uma realidade complexa. Em diálogo com a narrativa, a história e a memória delineadas pelo filme reforçam os múltiplos aspectos da constelação de conceitos advindos de suas aproximações, em especial a importância de se vislumbrar um continuum entre o senso comum e o conhecimento científico pelas histórias intuitivas de Javé e desvelar os sentidos do patrimônio, das paisagens, dos espaços controlados e das identidades inventadas para o Nordeste.

Palavras-chave: Cultura. Paisagem. Patrimônio. Identidades.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Augusta Mundim Vargas, Universidade Federal de Sergipe, Aracajú, Sergipe, Brasil.

 

 

Downloads

Publicado

2021-12-20

Como Citar

VARGAS, M. A. M. O contexto social e a construção da identidade no sertão nordestino/Brasil – releituras do filme Narradores de Javé . Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 15, n. 3, p. 162–173, 2021. DOI: 10.5216/ag.v15i3.70561. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/70561. Acesso em: 4 mar. 2024.

Edição

Seção

Artigos