Territorialidades e a produção da moradia dos bolivianos na cidade de Corumbá-MS, Brasil- DOI 10.5216/ag.v5i3.16698

Autores

  • Ramona Trindade Ramos Dias UFMS
  • Edgar Aparecido da Costa UFMS

DOI:

https://doi.org/10.5216/ag.v5i3.16698

Resumo

A cidade de Corumbá-MS (Brasil) é vizinha do distrito de Arroyo Concepción e do município de Puerto Quijarro-SC (Bolívia), cuja proximidade e construção histórica fronteiriça a coloca num contexto de possibilidades para o processo migratório de povos bolivianos. O objetivo deste artigo é conhecer a motivação migratória dos bolivianos que ora residem em Corumbá-MS e identificar suas territorialidades numa nova terra, a partir da fixação de suas moradias. Metodologicamente foi adotada pesquisa bibliográfica e trabalho de campo utilizando entrevistas e conversas informais com os migrantes e com representantes dos órgãos ligados ao setor na cidade de Corumbá-MS. Também se utilizou a técnica da observação das paisagens urbanas fronteiriça. Foi possível compreender que a saída dos bolivianos de seus locais de origem esteve ligada à busca de trabalho para melhorar a condição de vida, utilizando as informações contidas nas redes sociais e se adaptando rapidamente às condições do novo território.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2011-12-27

Como Citar

DIAS, R. T. R.; DA COSTA, E. A. Territorialidades e a produção da moradia dos bolivianos na cidade de Corumbá-MS, Brasil- DOI 10.5216/ag.v5i3.16698. Ateliê Geográfico, Goiânia, v. 5, n. 3, p. 127–149, 2011. DOI: 10.5216/ag.v5i3.16698. Disponível em: https://revistas.ufg.br/atelie/article/view/16698. Acesso em: 20 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos