As Experimentações Visuais no Teatro de Imagens The Old Woman, de Robert Wilson

Autores

  • Monica Ferreira Magalhães Unirio

DOI:

https://doi.org/10.5216/ac.v5i2.54409

Resumo

Neste artigo analisa-se a construção de sentido no espetáculo teatral The old woman, dirigido por Robert Wilson, com atuações de Mikhail Baryshnikov e Willem Dafoe. A obra se insere no gênero teatro de imagens, uma prática teatral contemporânea marcada por sequências de imagens cujos materiais linguísticos podem ser tratados como quadros. Há uma supremacia dos elementos visuais que não anula a natureza vocal e sonora do espetáculo, mas esta também é tão sinuosa quanto a visual.

A reciprocidade entre o espaço e o tempo que é manipulada pelo diretor americano define seu estilo. Os efeitos de sentido são reconhecidos pela tensão entre o vivo e o lento; entre a aceleração e a desaceleração; entre a continuidade e a descontinuidade que distorcem os objetos cênicos visuais e sonoros. Verifica-se as junções entre as linguagens que compõem o espetáculo, por meio das propostas teóricas e metodológicas da semiótica tensiva desenvolvida por Fontanille e Zilberberg, na qual as articulações entre o inteligível e o sensível estão inscritas na relação entre a extensidade e a intensidade que formam o espaço tensivo. Efeitos que levam os espectadores a sentidos inesperados provocados por Robert Wilson, Dafoe e Baryshnikov ao dizerem o indizível e pintarem o invisível.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BACHELARD, Gaston. La poétique de l’espace. Paris : P.U.F. 1957.

BARROS, Diana Luz Pessoa. Teoria Semiótica do Texto. São Paulo, Editora Ática, 2003.

BEM, Claudia de. A luz, o iluminador e o performer: uma experiência perceptiva. Dissertação de MEstrado. UFRGS.Disponível em: https://lume.ufrgs.br/handle/10183/105096, 2010. Acesso em 15 de abril de 2015.

CAMPOS, Geir. Glossário de termos técnicos do espetáculo. Niterói, EDUFF,1989.

DAFOE, Willem; BARYSHNIKOV, Mikhail (2014). Dafoe e Baryshnikov: as pinturas de Bob Wilson In: Reis, Luiz Felipe. http://oglobo.globo.com/cultura/teatro/dafoe-baryshnikov-as-pinturas-de-bob-wilson-13525429#ixzz3LVsenwih. Acesso em 10/03/2015

DIDI-HUBERMAN, Georges. O que vemos, o que nos olha. São Paulo: Ed. 34, 1998.

KHARMS, Daniil. The old Woman. Disponível em: https://absurdist.obook.org/kharms/display.php?p=30. Acesso em 15 de abril de 2014.

KINAS, Fernando (2007). Bob Wilson e o impasse pós-moderno. Disponível em: http://www.kiwiciadeteatro.com.br/pensar-o-teatro. Acesso em: 17/08/2015.

FERNANDES Silvia. Teatralidades contemporâneas. São Paulo: Perspectiva, 2010.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Novo Aurélio século XXI : o dicionário da Língua Portuguesa. Rio de Janeiro : Nova Fronteira, 1999.

FONTANILLE, Jacques. Semiótica do discurso: São Paulo, Contexto, 2007.

FONTANILLE, Jacques; ZILBERBERG, Claude. Tensão e significação. São Paulo: Discur-so Editorial/Humanitas/FFLCH/USP, 2001.

GREIMAS, Algirdas J. & COURTES, Joseph. Dicionário de semiótica. São Paulo: Contex-to, 2008.

__________. Da Imperfeição. São Paulo: Hacker Editores, 2002.

LEHMANN, Hans-Thies . Postdramatic Theatre. Abingdon: Routledge, 2006.

Pavis, Patrice . Dicionário de Teatro. São Paulo: Perspectiva, 1999.

TEIXEIRA, Lucia. Leitura de textos visuais: princípios metodológicos. In: BASTOS, Neusa Barbosa (org.). Língua portuguesa: lusofonia – memória e diversidade cultural. São Paulo: EDUC, 2008, pp.299-306.

WILSON, Robert. Robert Wilson: Portrait, Still Life, Landscape. Rotterdam: Museum Boij-mans van Beuningen Museum de Rotterdam, 1993.

Zilberberg, Claude(2010). Observações sobre a base tensiva do ritmo. Tradução de Lucia Teixeira e Ivã Carlos Lopes. Estudos Semióticos. [on-line] Disponível em: http://www.fflch.usp.br/dl/semiotica/es. Acesso em 10/12/2014

Downloads

Publicado

2019-12-30

Como Citar

MAGALHÃES, M. F. As Experimentações Visuais no Teatro de Imagens The Old Woman, de Robert Wilson. Arte da Cena (Art on Stage), Goiânia, v. 5, n. 2, 2019. DOI: 10.5216/ac.v5i2.54409. Disponível em: https://revistas.ufg.br/artce/article/view/54409. Acesso em: 26 maio. 2024.