“Parodiando o Bastardo” – a metodologia de trabalho com o bufão no caminho de um humor de denúncia

Autores

DOI:

https://doi.org/10.5216/ac.v2i3.40351

Palavras-chave:

humor, bufão, denúncia, grotesco

Resumo

Este artigo pretende trazer os desdobramentos práticos – aplicados na docência – a partir dos estudos desenvolvidos na pesquisa de mestrado concluída na Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo em 2013. A pesquisa tem como foco a relação entre a prática artística e política do ator a partir da experimentação com a figura do bufão. O estudo centra suas reflexões no caráter de denúncia e protesto do bufão, com seus jogos de paródia e blasfêmia, endereçando críticas e ações sempre em favor da liberdade. A partir destas perspectivas buscou-se uma metodologia de trabalho com a figura do bufão para o ator que deseja fazer a denúncia social. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vanessa Benites Bordin, Universidade do Estado do Amazonas Manaus, Amazonas, Brasil,

Doutoranda em Artes Cênicas na Escola de Comunicação e Artes da Universidade de São Paulo, professora assistente do curso de Teatro da Univerdidade do Estado do Amazonas, integrante do grupo de pesquisa CNPQ Tabihuni.

Referências

BARBOSA, Zé Adão e CARMONA, Daniela. Teatro: atuando, dirigindo, ensinando. Porto Alegre, RS: Artes e Ofícios, 2004.

ECO, Umberto. História da Feiúra. Rio de Janeiro: Record, 2007.

ECO, Humberto. História da Beleza. 2º edição. Rio de Janeiro: Record, 2010.

GAULIER, Philippe. Le Gégèneur: jeu lumière theater. Paris: Filmiko, 2007.

LECOQ, Jacques. O Corpo Poético. Uma pedagogia da criação teatral. Trad: Marcelo Gomes. São Paulo: Senac, 2010.

LOPES, Elisabeth Silva. Ainda é tempo de bufões. (Doutorado em Artes Cênicas), Escola de Comunicação e Artes, Universidade de São Paulo, 2001.

MINOIS, Georges. História do Riso e do Escárnio. Trad: Maria Elena O. Ortiz Assumpção. São Paulo: UNESP, 2003.

Downloads

Publicado

2016-12-29

Como Citar

BORDIN, V. B. “Parodiando o Bastardo” – a metodologia de trabalho com o bufão no caminho de um humor de denúncia. Arte da Cena (Art on Stage), Goiânia, v. 2, n. 3, p. 139–153, 2016. DOI: 10.5216/ac.v2i3.40351. Disponível em: https://revistas.ufg.br/artce/article/view/40351. Acesso em: 23 fev. 2024.