"Dizer no todo": palavra e imagem na obra de Mário Cesariny

Autores

  • Michele Coutinho Rocha Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa

DOI:

https://doi.org/10.5216/vis.v15i2.46479

Palavras-chave:

Mário Cesariny, Surrealismo Português, palavra, imagem, intertextualidadade, interdiscursividade

Resumo

O artigo tem como objetivo estudar a articulação entre a palavra e a imagem na obra de Mário Cesariny, presente em diversas práticas artísticas como poemas-poesia, picto-poemas, novelas-colagem e ainda em aquamotos e composições plásticas que integram referências linguísticas. Através da análise e compreensão da relação ou interação entre signos plásticos, icônicos e linguísticos, pretende-se identificar e caracterizar territórios de significação comum, feitos de apropriações mútuas, cruzamento e partilha de espaços e confluência de intenções. O estudo evidenciou relações de intertextualidade e interdiscursividade entre textos e imagens, discursos e conteúdos ideológicos.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michele Coutinho Rocha, Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa

Investigadora de Pós-Doutoramento em Ciências da Arte na Faculdade de Belas Artes da Universidade de Lisboa

Referências

ADAMOWICS, Elza. Surrealist Collage in Text and Image. Dissecting the exquisite corpse. Cambridge: Cambridge University Press, 1998.

ÁVILA, Maria Jesús; Cuadrado, Perfecto E. Surrealismo em Portugal 1934-1952. Lisboa: Instituto Português de Museus e Junta da Extremadura, 2001.

BRETON, André. Manifesto do Surrealismo. In: ______. Manifestos do Surrealismo. Tradução Pedro Tamen. Lisboa: Edições Salamandra, 1993. p. 13-53.

CESARINY, Mário. A Intervenção Surrealista. Lisboa: Assírio & Alvim, 1997.

______. Pena Capital. 3. ed. Lisboa: Assírio & Alvim, 2005.

______. Timothy McVeigh - O condenado à morte. Lisboa: Perve Global, 2006.

CUADRADO, Perfecto E. A única Real Tradição Viva. Lisboa: Assírio e Alvim, 1998.

______. Palavra/Imagem: Confluências. In: PINHARANDA, João Lima; CUADRADO, Perfecto E.. Mário Cesariny. Lisboa: Assírio e Alvim, 2004. p. 217-226.

FIORIN, José Luiz. Intertextualidade e interdiscursividade. In: BRAIT, Beth. Bakhtin: outros conceitos-chave. São Paulo: Contexto, 2006.

GUERREIRO, Manuel. Joan Brossa o la revuelta poética. Barcelona: Generalitat de Catalunya/Departament de Cultura Joan Miró, 2001.

LISBOA, António Maria. Poesia. Lisboa: Assírio & Alvim, 1995. (Texto estabelecido por Mário Cesariny de Vasconcelos).

MASINI, Andre C. Pequena coletânea de Poesia de língua inglesa. Paraná: Edição do autor, 2000.

PASCOAIS, Teixeira de. Senhora da Noite. Verbo Escuro. Lisboa: Assírio e Alvim, 1999.

PINHARANDA, João Lima. Quando o pintor é um caso à parte ou as velhas ainda lá estavam. In: PINHARANDA, J.; CUADRADO, Perfecto (Org.). Mário Cesariny. Lisboa: Assírio e Alvim, 2004. p. 11-32.

SANTAELLA, Lucia; NÖTH, Winfried. Imagem, Cognição, Semiótica, Mídia. São Paulo: Editora Iluminuras Ltda, 2008.

WILDE, Oscar. Balada do Cárcere de Reading. São Paulo: Editora Nova Alexandria, 2004.

Downloads

Publicado

2017-12-19

Como Citar

ROCHA, M. C. "Dizer no todo": palavra e imagem na obra de Mário Cesariny. Visualidades, Goiânia, v. 15, n. 2, p. 39–68, 2017. DOI: 10.5216/vis.v15i2.46479. Disponível em: https://revistas.ufg.br/VISUAL/article/view/46479. Acesso em: 17 jul. 2024.

Edição

Seção

Artigos