Susan Stebbing and the language of common sense

Autores

Palavras-chave:

Stebbing, Filosofia analítica, Lógica

Resumo

A proposta básica da resenha é identificar os aspectos fundamentais do livro de Siobhan Chapman sobre a filosofia de Susan Stebbing. Susan Stebbing and the Language of Common Sense é uma obra que reconstrói a história de Stebbing, uma importante lógica do início do século passado e a primeira mulher professora de Filosofia em uma universidade britânica, e suas principais contribuições filosóficas. Stebbing esteve inserida principalmente em discussões sobre lógica e linguagem ordinária e seus livros, embora atualmente pouco conhecidos, exerceram grande influência no contexto filosófico do início do século XX. Nessa resenha eu divido o livro de Chapman em três partes: (i) a importância histórica de Stebbing; (ii) o contexto filosófico de sua vida acadêmica; e (iii) a importância e atualidade de suas concepções filosóficas, em especial, as concepções lógico-linguistícas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kariel Antonio Giarolo, Universidade Federal de Santa Maria (UFSM), Santa Maria, Rio Grande do Sul, Brasil, karielgiarolo@gmail.com

Publicado

07-08-2018

Como Citar

ANTONIO GIAROLO, K. Susan Stebbing and the language of common sense. Philósophos - Revista de Filosofia, Goiânia, v. 23, n. 1, p. 161–169, 2018. Disponível em: https://revistas.ufg.br/philosophos/article/view/47399. Acesso em: 26 maio. 2024.

Edição

Seção

Resenhas