FORMA DE VIDA OU FORMAS DE VIDA?

Autores

  • Araceli Velloso UFG

DOI:

https://doi.org/10.5216/phi.v8i2.3211

Resumo

O objetivo principal deste artigo será tornar mais claro o papel desempenhado pela noção de “forma de vida” nos escritos de Ludwig Wittgenstein. Como pano de fundo desta discussão, teremos em mente a questão do emprego do termo “forma de vida” no plural ou apenas no singular. Investigaremos criticamente quatro possíveis interpretações oferecidas por diferentes comentaristas da obra de Wittgenstein. Cada uma delas se aterá a diferentes aspectos da noção de “forma de vida”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Araceli Velloso, UFG

Departamento de Filosofia, FCHF. Filosofia da linguagem e Lógica

Downloads

Publicado

23-01-2008

Como Citar

VELLOSO, A. FORMA DE VIDA OU FORMAS DE VIDA?. Philósophos - Revista de Filosofia, Goiânia, v. 8, n. 2, 2008. DOI: 10.5216/phi.v8i2.3211. Disponível em: https://revistas.ufg.br/philosophos/article/view/3211. Acesso em: 27 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais