DESCRIÇÃO SEMÂNTICA E POSTULAÇÃO DE ENTIDADES

Autores

  • Celso R. Braida UFSC

DOI:

https://doi.org/10.5216/phi.v8i1.3203

Resumo

Nesse artigo eu proponho, partindo da distinção entre conceitos semânticos e conceitos ontológicos, a separação entre descrição semântica e postulação de entidades. A postulação de uma entidade implica o fornecimento de um critério de identificação, isto é, a verdade de uma asserção de identidade entre dois dispositivos de designação. Isso parece indicar que a existência da entidade seria garantida pela simples existência de um critério de identificação. Porém, esta é uma condição de significatividade para um termo referencial: que ele codifique ou esteja associado a uma descrição identificadora. Tal descrição identificadora não pode, de modo algum, ser confundida com uma condição de existência para a entidade em questão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Celso R. Braida, UFSC

Departamento de Filosofia, UFSC. Filosofia da Linguagem e Lógica.

Downloads

Publicado

23-01-2008

Como Citar

BRAIDA, C. R. DESCRIÇÃO SEMÂNTICA E POSTULAÇÃO DE ENTIDADES. Philósophos - Revista de Filosofia, Goiânia, v. 8, n. 1, 2008. DOI: 10.5216/phi.v8i1.3203. Disponível em: https://revistas.ufg.br/philosophos/article/view/3203. Acesso em: 19 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos Originais